05:13 20 Outubro 2018
Ouvir Rádio
    Página do Google em tablet (foto de arquivo)

    Google confessa entrega não autorizada de dados dos usuários a terceiros

    © AFP 2018 / Damien Meyer
    Américas
    URL curta
    207

    Representantes do Google confirmaram que dados de usuários estão disponíveis para desenvolvedores de aplicativos externos, de acordo com a Reuters.

    Segundo a política de privacidade do Google, os usuários devem ser informados pelas empresas sobre a coleta e processamento de seus dados, porém, as extensões de publicidade no Gmail, assim como os e-mails, coletam informações sobre as pessoas, cita a agência de notícias.

    Além disso, autoridades americanas descobriram que nem todos os desenvolvedores informam seus a consumidores quando leem correspondências ou quando transmitem dados deles a terceiros.

    Senadores dos EUA solicitaram ao Google que enviasse uma lista de empresas violadoras, e a única resposta foi que a companhia usa verificações automáticas e relatórios de pesquisadores de segurança.

    Em audiência marcada para o dia 26 de setembro, serão discutidas as questões referentes aos dados de segurança entre os senadores e representantes do Google, Apple, AT&T e Twitter.

    Anteriormente, tornou-se conhecido o fato sobre o acordo entre Google e MasterCard, onde o sistema de pagamento forneceu durante anos dados de pagamento dos usuários à empresa de IT em questão. Desse modo, o Google Analytics determinava a eficácia da publicidade.

    Mais:

    Google Maps captura FOTO bizarra de casal 'desmembrado'
    Imprensa dos EUA ignora denúncia de suposto favorecimento do Google a Hillary em 2016
    Cadê avião malaio no Google Maps? Britânico afirma ter desvendado mistério de anos
    Google é advertido sobre interferência em eleições na Rússia
    Tags:
    aplicativos, acesso, autorização, entrega, fornecimento, emails, Twitter, Apple, MasterCard, Google, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik