00:14 17 Dezembro 2018
Ouvir Rádio
    Venezuelanos em Roraima

    Peru declara emergência sanitária por migração da Venezuela

    Schneyder Mendoza/AFP
    Américas
    URL curta
    220

    O governo peruano declarou nesta terça-feira (28) um estado de emergência sanitária por conta da migração venezuelana.

    De acordo com o decreto publicado pelo governo, o grande êxodo de imigrantes venezuelanos atrevessando a fronteira traz perigo iminente de afetar a saúde e o saneamento. 

    O governo regional da região Tumbes e o Instituo Nacional de Defesa Civil apresentaram a solicitação do estado de emergência, tendo em vista ter sido "ultrapassada" a capacidade de resposta dos órgãos diante da entrada de milhares de venezuelanos. 

    Durante o mês de agosto, mais de 5 mil venezuelanos chegaram ao Peru em apenas um dia. 

    Anteriormente, as autoridades peruanas haviam começado a impedir entrada de imigrantes venezuelanos no país, a menos que tenham passaporte. A medida visa conter a onda de imigração da Venezuela, atingida pela crise econômica, que já levou centenas de milhares de venezuelanos desesperados à Colômbia, Peru, Equador, Chile e Brasil.

    Mais:

    Maduro adota plano que permite à Venezuela economizar em petros e ouro
    Equador abandona ALBA em resposta à crise migratória na Venezuela
    Professor avalia mudança de câmbio na Venezuela e prevê próximos passos da crise
    Tensão: Colômbia protesta contra nova incursão militar da Venezuela
    Tags:
    crise migratória, vigilância sanitária, emergência, imigração, Peru, Venezuela
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik