10:05 26 Setembro 2018
Ouvir Rádio
    Protestos na Nicarágua

    Congressistas americanos pedem a Trump que aplique sanções a autoridades nicaraguenses

    © REUTERS / Oswaldo Rivas
    Américas
    URL curta
    502

    O presidente dos EUA, Donald Trump, deve impor novas sanções contra funcionários do governo da Nicarágua sob a chamada Lei Magnitsky por alegada violação dos direitos humanos, pediram 15 congressistas em uma carta divulgada nesta sexta-feira.

    "Como a violência e a instabilidade continuam a agravar-se na Nicarágua, pedimos que você determine se os cidadãos nicaraguenses Sonia Castro [ministra da saúde], Laureano Ortega Murillo, Juan Carlos Ortega Murillo [os dois são filhos do presidente] e Gustavo Porras [presidente da Assembleia Nacional Legislativa da Nicarágua] preenchem os critérios para serem responsabilizados pela Lei Global Magnitsky como acusados de cometer violações de direitos humanos ”, diz a carta.

    A Nicarágua enfrenta uma violenta revolta popular desde abril, após uma tentativa do governo nicaraguense em mudar o sistema de pensão nacional. O que era apenas um protesto contra as alterações se converteu em manifestações sangrentas, com atuação de milícias e assassinato de centenas de civis. Os manifestantes agora pedem a imediata saída do presidente Daniel Ortega e a realização de eleições antecipadas, pontos sobre os quais o governo se recusa a ceder.

    Tags:
    protestos, direitos humanos, Lei Magnitsky, Assembleia Nacional Legislativa da Nicarágua, Donald Trump, Daniel Ortega, Gustavo Porras, Juan Carlos Ortega Murillo, Laureano Ortega Murillo, Washington, Manágua, Estados Unidos, Nicarágua
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik