20:11 25 Setembro 2018
Ouvir Rádio
    Ministro das Relações Exteriores de El Salvador, Carlos Castaneda, e o chanceler da China, Wang Yi, durante cerimônia de estabelecimento das relações diplomáticas entre os dois países

    Rompimento de El Salvador com Taiwan afetará relação com governo, diz embaixadora dos EUA

    © REUTERS / Jason Lee
    Américas
    URL curta
    12144

    A administração dos EUA considera a decisão de El Salvador de romper as relações diplomáticas com Taiwan e iniciá-las com a China preocupante. A informação foi da embaixadora dos EUA no país da América Central, Jean Manes.

    "Os EUA estão analisando a decisão de El Salvador, e isso é preocupante por muitas razões, incluindo a quebra de um relacionamento de mais de 80 anos com Taiwan, que sem dúvida afetará nosso relacionamento com o governo. Continuamos apoiando o povo salvadorenho", declarou a embaixadora em sua conta no Twitter.

    A diplomata acrescentou que "uma decisão tão importante deve ser discutida com todos os setores, deve ser transparente, inclusive com a própria população, deve ser divulgado que tipo de negociação houve".

    O presidente salvadorenho Salvador Sánchez Cerén anunciou na última segunda-feira a ruptura com Taiwan e o estabelecimento de relações diplomáticas com a China.

    "Após uma análise cuidadosa, anuncio o colapso das relações diplomáticas com Taiwan e o estabelecimento delas com a República Popular da China", anunciou Sánchez Cerén.

    Mais:

    El Salvador rompe com Taiwan para estabelecer relações diplomáticas com China
    Incêndio em Ministério da Fazenda de El Salvador deixa 3 mortos e 15 feridos [FOTO, VÍDEO]
    Corrupção tipo exportação: Caixa 2 da Odebrecht financiou campanha em El Salvador
    Tags:
    relações diplomáticas, EUA, Taiwan, China
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik