19:30 18 Abril 2019
Ouvir Rádio
    Presidente do Paraguai, Mario Abdo Benítez, toma posse em 15 de agosto de 2018

    Novo presidente do Paraguai promete 'solidariedade' com Nicarágua e Venezuela

    © REUTERS / Marcos Brindicci
    Américas
    URL curta
    333

    O novo presidente do Paraguai, Mario Abdo Benítez, tomou posse nesta quarta-feira (15) e fez um apelo à unidade do país e ao trabalho para uma "transformação positiva" da nação sul-americana.

    "Cada geração tem uma missão histórica, estou convencido de que a nossa é unir nosso país, unir valores, que essa unidade seja uma ferramenta para que haja uma transformação positiva e definitiva que vem de nossas mãos juntas para construir Paraguai melhor", disse o novo chefe de Estado depois de receber a faixa presidencial em Assunção.

    Mario Abdo Benítez disse que seu governo não permanecerá "indiferente" em relação à crise na Nicarágua e Venezuela, e se comprometeu com sua "solidariedade" com as pessoas desses países.

    "O Paraguai não vai ficar indiferente ao sofrimento povos irmãos […] Nós expressamos nossa solidariedade com os povos da Venezuela e Nicarágua, nossas vozes libertárias não serão silenciadas", disse.

    Além disso, o novo presidente do Paraguai afirmou que o país será "protagonista ativo na construção de uma verdadeira integração regional".

    "A integração de nossos povos é o único caminho, não há mais fronteira para a integração, devemos construí-la com respeito à autonomia de cada país, mas com base em interesses comuns", afirmou.

    Com 46 anos, o novo presidente é filho de um secretário do ex-ditador Alfredo Stroessner — que governou o país por 35 anos até ser derrubado em um golpe de Estado e morrer no exílio em Brasília, em 2006.

    Mario Abdo fez campanha com um forte discuso contra a corrupção e defende uma política de impostos baixos e o investimento estrangeiro. Ele é contra o aborto e o casamento homoafetivo. 

    Mais:

    Temer, Eunício e Maia vão à posse do presidente do Paraguai
    Presidente do Paraguai Horacio Cartes renuncia ao posto
    Adeus, Fundo Soberano: Brasil segue passos de Argentina e Paraguai?
    Paraguai inaugura embaixada em Jerusalém, seguindo exemplo dos EUA
    Tags:
    Mario Abdo Benítez, Nicarágua, Venezuela, América Latina, América do Sul, Paraguai
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar