04:55 16 Agosto 2018
Ouvir Rádio
    WhatsApp logo

    Momo instigou suicídio de menina argentina? Desafio viral pode estar tomando outro rumo

    © AFP 2018 / LIONEL BONAVENTURE
    Américas
    URL curta
    147

    Adicionar o bot Momo aos contatos se tornou um desafio on-line de rápida disseminação.

    Momo tem uma terrível cara deformada de uma menina com grandes olhos esbugalhados e boca extremamente larga. De fato, é uma foto de uma escultura verdadeira criada pela companhia japonesa de efeitos visuais Link Factory. A cabeça e o tórax contorcido têm como base patas de ave.

    ​Se você adicionar Momo a seus contatos, de acordo com o relatado, ela é capaz de se comunicar em todos os idiomas, enviar imagens medonhas e outras coisas que ninguém gostaria de ver durante a noite.

    Depois de um tempo, o programa começa a exigir que você faça algo. Se você se recusar, ele começará a jogar ameaças desagradáveis, tais como aparecer no meio da noite ou jogar maldição. Às vezes, Momo liga para usuários de noite ou de madrugada e dá para ouvir ruídos e gritos.

    É obvio que a página é um pesadelo para as crianças. Por isso, polícias de vários países se encontram em situação de alerta. Por quê? Basta mencionar uma menina de 12 anos que teria se suicidado por causa de Momo.

    De acordo com Buenos Aires Times, a polícia argentina está investigando se Momo está ligada ao suicídio de uma menina que filmou suas atividades antes de se enforcar em uma árvore no quintal de casa. A polícia supõe que alguém tenha incentivado a menina a se matar através do programa.

    A Guarda Civil da Espanha escreveu recentemente no Twitter "Não adicione Momo", comentando que o "desafio" está cada vez mais viral entre adolescentes.

    Conforme a polícia do estado mexicano de Tabasco, Momo surgiu em um grupo do Facebook, onde pessoas eram encorajadas a se comunicar com um número de telefone desconhecido. A polícia mexicana declara também que alguém teria usado Momo para roubar dados pessoais, mesmo não tendo intenção de levar alguém ao suicídio.

    Mais:

    Mensagem falsa no WhatsApp causa mais uma morte na Índia
    Mais uma novidade do WhatsApp: o que inventaram desta vez?
    Novo recurso do WhatsApp terá proteção contra golpes
    Tags:
    investigação, suicídio, Facebook, WhatsApp, Argentina
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik