05:40 18 Novembro 2018
Ouvir Rádio
    Mark Zuckerberg em evento da APEC em 2016

    Facebook derruba rede que fazia esforço 'coordenado' para influenciar eleições nos EUA

    © REUTERS / Mariana Bazo
    Américas
    URL curta
    303

    O Facebook informou nesta terça-feira (31) que eliminou 32 páginas e contas falsas envolvidas no que parecia ser uma tentativa "coordenada" de influenciar a opinião pública sobre questões políticas antes das eleições estadunidenses de novembro, mas não conseguiu identificar a fonte.

    "Estamos fechando 32 páginas e contas envolvidas em comportamento não autêntico coordenado, sem dizer que um grupo específico ou país é responsável", disse o Facebook em uma série de posts.

    A companhia diz que "parte da atividade é consistente" com as movimentações desenvolvidas a partir da Rússia para influenciar as eleições presidenciais de 2016 pelas redes sociais.

    Moscou nega ter interferido nas eleições dos Estados Unidos. 

    "Ainda estamos nos estágios iniciais de nossa investigação e não temos todos os fatos — incluindo quem pode estar por trás disso", acrescentou o Facebook. "Mas nós estamos compartilhando o que sabemos hoje, dada a conexão entre esses maus atores e protestos que estão planejados em Washington na semana que vem."

    O Facebook informou que compartilhou com as agências policiais dos EUA, o Congresso e outras empresas de tecnologia as suas descobertas.

    O New York Times publicou que a empresa de Mark Zuckerberg trabalha com o FBI na investigação. 

    Mais:

    Investidores do Facebook querem destronar Zuckerberg após queda bilionária em ações
    Facebook suspende contrato com mais uma empresa por suspeita de vazamento de dados
    Facebook libera por engano pessoas bloqueadas por 800 mil usuários
    TSE assina memorando com Facebook e Google contra fake news no período eleitoral
    Tags:
    Facebook, Mark Zuckenberg
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik