08:22 17 Outubro 2018
Ouvir Rádio
    Putin oferece uma bola da Copa para Trump.

    Bola da Copa dada a Trump por Putin recebe triagem de segurança

    © AFP 2018 / Yuri KADOBNOV
    Américas
    URL curta
    334

    Lembra-se da bola de futebol dada pelo presidente russo Vladimir Putin ao presidente dos EUA, Donald Trump, durante a cúpula entre os dois em Helsinque? O Serviço Secreto dos EUA afirma que a bola recebeu uma triagem de segurança.

    O Diretor da Inteligência Nacional Dan Coats disse em uma conferência de segurança neste sábado (21) que ele está certo de que a bola "foi analisada com muito cuidado".

    Durante a coletiva de imprensa conjunta após a cúpula de Helsinque, Vladimir Putin deu a bola a Trump após responder a uma pergunta sobre a Síria. Um dos repórteres perguntou a Putin se a "bola está na quadra russa" em relação aos esforços cooperativos na Síria.

    "Falando sobre ter a bola em nossa quadra na Síria, o presidente Trump acabou de mencionar que concluímos com sucesso a Copa do Mundo. Falando do futebol, na verdade…" Putin disse, saindo de seu lugar para buscar a bola. "Sr. Presidente, eu darei esta bola para você, e agora a bola está no seu campo."

    Trump respondeu dizendo que a bola iria para seu filho Barron.

    Após a coletiva de imprensa, o senador norte-americano Lindsey Graham comentou o assunto:

    "Se fosse eu, verificaria a bola de futebol por dispositivos de escuta e nunca permitiria isso na Casa Branca", twittou Graham.

    O Serviço Secreto dos EUA diz que as triagens de segurança são padrão para todos os presentes recebidos pelo presidente.

    Os Estados Unidos sediarão a Copa do Mundo de 2026 em conjunto com Canadá e México.

    Mais:

    Trump planeja impor novas tarifas sobre mercadorias chinesas
    Trump e Putin não devem se encontrar até divulgarem detalhes de encontro, diz senador
    Trump diz que será 'pior inimigo' de Putin caso relação EUA-Rússia falhe
    Trump negocia visita de Putin a Washington, revela Casa Branca
    Trump diz que a economia da China está caindo vertiginosamente
    Tags:
    Vladimir Putin, Donald Trump, Rússia, Estados Unidos
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik