02:03 16 Julho 2018
Ouvir Rádio
    Presidente russo, Vladimir Putin, e presidente norte-americano, Donald Trump, na cúpula da APEC no Vietnã

    Trump promete sugerir a Putin o fim da corrida armamentista entre EUA e Rússia

    © Sputnik / Mikhail Klimentyev
    Américas
    URL curta
    452

    O presidente dos EUA, Donald Trump, sugeriu que ele poderia discutir maneiras de economizar "milhões de dólares" em armas quando encontrar o líder russo Vladimir Putin na Finlândia no próximo mês.

    "Podemos até falar em economizar milhões de dólares em armas", disse Trump nesta sexta-feira, de acordo com a mídia local, ao estabelecer uma agenda potencial para as negociações de 16 de julho com o presidente russo.

    Trump acrescentou que os Estados Unidos estão construindo uma força "como ninguém jamais viu antes", mas ressaltou que o mundo precisava se desescalar e sugeriu que um relacionamento com a Rússia e a China seria uma "coisa boa".

    Trump anunciou esta semana que ordenou ao Pentágono que criasse uma Força Espacial como o sexto ramo "separado, mas igual" dos militares dos EUA. Ele disse que a decisão abriu um novo capítulo na competição para explorar o espaço, com o objetivo de superar nações como a Rússia e a China.

    Trump: Alemanha e França precisam gastar mais em defesa

    Em outra frente, Trump reiterou que os aliados da OTAN precisam aumentar os gastos com defesa, antes da cúpula da aliança em Bruxelas no próximo mês.

    "A Alemanha tem que gastar mais dinheiro, a Espanha, a França [também]. Não é justo o que eles fizeram com os Estados Unidos", afirmou, de acordo com a imprensa local.

    Ele alegou que os Estados Unidos estavam pagando "muito mais desproporcionalmente a qualquer outra nação" na aliança, que estabelece uma meta de gastos de 2% do Produto Interno Bruto (PIB) de um Estado membro.

    Até agora, apenas cinco países cumpriram este requisito. Além dos Estados Unidos, o Reino Unido, a Grécia, a Polônia e a Estônia se conformaram e aumentaram os investimentos.

    Mais:

    Por que Ocidente se mostra preocupado com encontro entre Putin e Trump?
    Trump espera que encontro com Putin contribua para aumento da segurança global
    Putin e Trump terão encontro em Helsinque em 16 de julho
    Tags:
    segurança, defesa, diplomacia, Guerra Fria, relações bilaterais, armas, corrida armamentista, Pentágono, Donald Trump, Vladimir Putin, Espanha, França, Alemanha, Finlândia, Rússia, Estados Unidos
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik