07:46 16 Novembro 2018
Ouvir Rádio
    Equipes de resgate cavam a procura de corpos após a erupção do vulcão Fogo na Guatemala, em 4 de junho de 2018

    Desastre na Guatemala: busca por 197 desaparecidos é suspensa

    © REUTERS / Luis Echeverria
    Américas
    URL curta
    0 02

    Autoridades pediram no domingo (17) encerraram a busca pelas quase 200 pessoas desaparecidas desde que o vulcão guatemalteco de Fuego entrou em erupção no início deste mês, devastando o interior do país.

    As autoridades confirmaram a morte de 110 pessoas após uma erupção vulcânica em 3 de junho, mas outras 197 pessoas continuam desaparecidas.

    Um porta-voz da agência de proteção civil do governo, David de Leon, disse que as agências envolvidas decidiram encerrar a busca "devido ao fato de que a área é inabitável e de alto risco".

    O vulcão, que fica a 35 quilômetros a sudoeste da capital, ainda gera quatro ou cinco explosões fracas por hora, enviando uma coluna de cinzas com mais de mil metros no céu.

    Além disso, chuvas estavam previstas para este domingo (17), representando perigo de lama vulcânica.

    Mais de 3,6 mil moradores foram obrigados a se refugiar temporariamente em escolas e salas comunitárias.

    A busca suspensa foi focada nas comunidades mais atingidas de San Miguel Los Lotes e El Recreo.

    A única exceção à suspensão está na área de Alotenango, onde bombeiros voluntários continuaram a procurar por dois companheiros que desapareceram no dia do desastre.

    Mais:

    EUA enviam ajuda à Guatemala para vítimas de vulcão
    Serviços de emergência da Guatemala ordenam novas evacuações
    Isso é o que causa erupções dos vulcões da Guatemala e do Havaí (FOTOS)
    Erupção de vulcão deixa vários mortos e feridos na Guatemala
    Liga Árabe suspende cooperação com Guatemala após mudança de embaixada em Israel
    Tags:
    erupção vulcânica, David de Leon, Guatemala
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik