13:38 17 Agosto 2018
Ouvir Rádio
    O presidente dos EUA, Donald Trump, próximo ao Air Force One em voo para Palm Beach.

    Equipe que investiga interferência russa nas eleições interroga amigo de Trump

    © REUTERS / Joshua Roberts
    Américas
    URL curta
    212

    Investigadores que estão trabalhando com o procurador especial Robert Mueller interrogaram um dos amigos mais próximos do presidente Donald Trump, o investidor do ramo imobiliário Tom Barrack, disseram fontes à Associated Press.

    Mueller é encarregado da investigação sobre a suposta interferência da Rússia na eleição presidencial de 2016.

    Não há detalhes oficiais sobre os termos do interrogatório, mas uma fonte anônima conversou com a Associated Press e contou que  as perguntas se concentraram apenas em dois membros da campanha de Trump que foram indiciados por Mueller: o ex-diretor da campanha de Trump, Paul Manafort, e o ex-assessor sênior da campanha Rick Gates. Em fevereiro, Gates se declarou culpado de conspiração e de mentir para o FBI, e começou a cooperar com os investigadores.

    Outra fonte disse que a entrevista foi mais abrangente, incluindo questões financeiras sobre a campanha, a transição do governo e a posse de Trump em janeiro de 2017.

    A porta-voz de Barrack, Lisa Baker, não quis comentar o assunto.

    Barrack teve um papel importante na arrecadação de fundos para a campanha do atual presidente em 2016, quando muitos outros republicanos evitavam relacionar-se com o então neófito político Donald Trump. O investidor, que tem ligações com vários líderes do Oriente Médio, conheceu o presidente em 1988, quando negociou a venda do The Plaza Hotel, em Nova York, para Trump.

    Mais:

    'Indecente e incompetente', diz ex-premiê francês sobre Trump após comentário polêmico
    Casa Branca: Trump não aceitará o 'politicamente correto' da China
    Irã promete bater de frente com Trump caso EUA rompam acordo nuclear
    Netanyahu e ataques de Israel na Síria podem empurrar Trump para guerra com Irã
    Brasil está fora das prioridades da administração Trump?
    Tags:
    Rick Gates, Paul Manafort, Robert Mueller, Donald Trump, Tom Barrack, Estados Unidos
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik