17:21 19 Setembro 2018
Ouvir Rádio
    Presidente dos EUA, Donald Trump

    Trump está pronto para testemunhar na 'investigação russa' em determinadas condições

    © AP Photo / Evan Vucci
    Américas
    URL curta
    412

    O presidente dos EUA, Donald Trump, está pronto para responder às perguntas do procurador especial que lidera a "investigação russa", Robert Mueller.

    Em troca, os advogados do presidente pedem o encerramento da investigação o mais breve possível, comunicou o jornal Wall Street Journal citando suas fontes.

    De acordo com os entrevistados pelo jornal, Trump concordou em testemunhar caso o procurador especial determine prazos exatos de conclusão de, ao menos, a parte da investigação relacionada diretamente com o presidente. Os advogados de Trump estão estudando várias opções. Uma delas é estabelecer um prazo final de 60 dias após a conversa com o presidente.

    Além disso, os advogados procuram limitar os assuntos a serem abordados. O time de Trump propõe que o procurador especial interrogue o presidente sobre a demissão de James Comey do cargo de diretor do FBI, bem como sobre a demissão do ex-conselheiro de Segurança Nacional, Michael Flynn.

    O procurador especial independente Robert Mueller está investigando as "ligações de Trump com a Rússia". Tais acusações são negadas quer por parte de Moscou, quer pela Casa Branca.

    Mais:

    'Está bem encaminhado': Trump reafirma encontro com Kim
    Após criticar tarifas, Macron elogia encontro de Trump com Kim
    Tarifas de Trump devem atrapalhar produção energética dos EUA, diz senadora
    Tags:
    interrogatório, testemunhas, investigação, Donald Trump, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik