12:18 22 Setembro 2018
Ouvir Rádio
    O presidente Donald Trump e líder norte-coreano Kim Jong Un

    'Está bem encaminhado': Trump reafirma encontro com Kim

    © AP Photo / Evan Vucci, Wong Maye-E, File
    Américas
    URL curta
    730

    Após recuar e impor condições para encontro com Kim Jong-un, Trump reafirma possibilidade de reunião com líder da Coreia do Norte.

    O presidente fez as declarações na noite desta sexta-feira (9) em sua conta no Twitter. Segundo a postagem, o encontro está bem encaminhado e seria muito bom  para o mundo, se realizado, acrescentando que a hora e o local ainda serão determinados.

    Na tarde desta sexta-feira (9), a porta-voz da Casa Branca, Sarah Sander, jogou um balde de água fria sofre as expectativas criadas desde a noite de quinta-feira (8) após o anúncio de um encontro histórico entre os líderes dos EUA e Coreia do Norte.

    A porta-voz anunciou que os EUA estariam impondo condições para que o econtro fosse realmente realizado.

    "Os norte-coreanos fizeram grandes promessas como encerrar programa nuclear, mas precisam agir", disse a porta-voz.  "Essa reunião não vai acontecer até que vejamos ações concretas que vão de encontro com as promessas que foram feitas pela Coreia do Norte", disse Sanders a jornalistas.

    Donald Trump soube na quinta-feira (8) da possibilidade do encontro através do conselheiro de Segurança Nacional da Coreia do Sul que informou ao norte-americano que Kim Jong-un teria o estaria convidando para um encontro.

    O aceite do convite foi notícia no mundo inteiro, e pode inaugurar uma nova fase na tensão sobre o programa nuclear do país comunista.

     

    Mais:

    Após criticar tarifas, Macron elogia encontro de Trump com Kim
    Tarifas de Trump devem atrapalhar produção energética dos EUA, diz senadora
    'Por favor?': Macri pede a Trump que isente a Argentina de tarifas de aço
    Reunião entre Trump e Kim Jong-un será marcada em algumas semanas
    Tags:
    península coreana, crise coreana, Sarah Sanders, Kim Jong-un, Donald Trump, Coreia do Norte, EUA, Estados Unidos
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik