07:49 18 Julho 2018
Ouvir Rádio
    Donald Trump discursando sobre a Estratégia da Segurança Nacional na segunda-feira, 18 de dezembro

    Ex-oficiais dos EUA apelam para limitar direito de Trump de usar armas nucleares

    © AP Photo/ Evan Vucci
    Américas
    URL curta
    421

    Grupo de 17 ex-oficiais norte-americanos apelou para limitar o direito do presidente dos EUA Donald Trump de usar armas nucleares.

    Esses militares, que antes eram responsáveis por lançamentos de mísseis nucleares, enviaram uma carta ao Congresso em que declararam que Trump "representa uma ameaça evidente e real para o país e para todo o mundo", informou o portal CBS.

    No documento foram também mencionadas as últimas declarações de Trump no Twitter, onde ele disse que seu botão nuclear é "maior" que o do líder norte-coreano Kim Jong-un. Segundo os oficiais, essas afirmações são perigosas e podem levar a "erros catastróficos".

    Os ex-militares sublinharam que o presidente dos EUA tem poder absoluto e que atualmente não existem "garantias fiáveis" para contê-lo.

    Anteriormente, o congressista David Cicilline exigiu a discussão de um projeto de lei para proibir o ataque preventivo contra a Coreia do Norte sem a aprovação do Congresso. Segundo ele, as declarações irresponsáveis de Trump "estão agravando a situação" na península da Coreia.

    Mais:

    Abuso de videogames? Trump 'vende' aviões que não existem a país europeu
    Irã pode acelerar o enriquecimento de urânio se Trump voltar a impor sanções
    Na corrida das Coreias, Trump acabou ficando em último lugar
    Tags:
    ameaça, armas nucleares, Donald Trump, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik