13:36 17 Agosto 2018
Ouvir Rádio
    Donald Trump, presidente dos EUA, depois do discurso em Lynchburg, Virginia

    EUA recolocam a Coreia do Norte em lista de apoiadores do terrorismo mundial

    © REUTERS / Yuri Gripas
    Américas
    URL curta
    1949

    O presidente dos EUA, Donald Trump, designou a Coreia do Norte como um Estado patrocinador do terrorismo, disse a porta-voz da Casa Branca, Sarah Huckabee Sanders, em um comunicado nesta segunda-feira.

    "[Trump] anunciou que os EUA estão novamente designando a Coreia do Norte como um Estado patrocinador do terror", disse Sanders em uma mensagem do Twitter.

    Em declarações durante uma reunião do gabinete na Casa Branca, Trump disse que a Coreia do Norte deveria ter sido redesignada como um patrocinador estatal do terror há muito tempo.

    "Além de ameaçar o mundo por devastação nuclear, a Coreia do Norte tem repetidamente apoiado atos de terrorismo internacional, incluindo assassinatos em solo estrangeiros", acrescentou Trump.

    Pyongyang foi retirado da lista estadunidense de patrocínios ao terrorismo em 2008, pela administração do ex-presidente republicano George W. Bush.

    Novas sanções

    O Departamento do Tesouro dos EUA anunciará novas sanções adicionais contra a Coreia do Norte nesta terça-feira, disse Trump no início de uma reunião do gabinete na Casa Branca.

    "Amanhã, o Departamento do Tesouro anunciará uma sanção adicional, uma bem grande à Coreia do Norte, e isso acontecerá ao longo das próximas duas semanas", disse Trump na segunda-feira.

    "Será o mais alto nível de sanções durante um período de duas semanas", finalizou.

    Mais:

    Por insulto a Kim Jong-un, jornal norte-coreano condena 'cachorro raivoso Trump' à morte
    Ordem de ataque nuclear vinda de Trump pode ser desobedecida se for considerada ilegal
    Trump toparia? Coreia do Norte revela condição para desistir de vez das armas nucleares
    Tags:
    sanções, diplomacia, terrorismo, Departamento de Estado dos EUA, George W. Bush, Sarah Huckabee Sanders, Donald Trump, Coreia do Norte, Estados Unidos
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik