06:00 22 Julho 2018
Ouvir Rádio
    Donald Trump ao telefone na Casa Branca

    'Ele sabia no que estava se metendo', teria dito Trump à viúva de soldado morto

    © REUTERS / Jonathan Ernst
    Américas
    URL curta
    2136

    O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, foi acusado de dizer à viúva do soldado David Johnson em uma ligação telefônica que "ele sabia no que estava se metendo". Johnson e outros três soldados morreram no Níger no começo do mês.

    É uma tradição estadunidense o presidente em exercício telefonar para parentes de soldados mortos. 

    A acusação contra Trump veio da congressista do Partido Democrata Frederica Wilson, que afirmou estar com a viúva no momento da ligação e diz ter escutado as palavras do presidente. 

    Trump nega ter se expressado nestes termos e afirmou que a congressista "fabricou" o relato.

    A agência de notícias Associated Press, contudo, entrou em contato com a mãe do soldado morto e ela confirmou que Trump realmente disse que seu filho "sabia no que estava se metendo".

    Mais:

    Olhe como se faz, Trump: Irã exalta projetos nucleares pacíficos com a Rússia
    Hillary: Trump age de maneira 'perigosa e míope' em guerra de palavras com Coreia do Norte
    FBI e CIA dando aquela empurradinha na vida política de Trump
    Juiz barra decreto migratório de Trump
    Ex-negociador nuclear dos EUA revela quando Coreia do Norte negociará com Trump
    Trump reforça 'chance real' de deixar acordo com Irã e especialista alerta: 'equivocado'
    Assessor de Trump: ataque dos EUA contra Coreia do Norte está sob 'refinamento constante'
    Tags:
    Donald Trump, Níger, Estados Unidos
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik