02:01 19 Janeiro 2018
Ouvir Rádio
    O presidente dos EUA, Donald Trump, fala ao lado do secretário de Estado, Rex Tillerson, durante uma reunião bilateral com o presidente da China, Xi Jinping, na propriedade de Trump, Mar-a-Lago, em Palm Beach, Flórida.

    Trump: Tillerson poderia ser 'um pouco mais duro'

    © REUTERS/ Carlos Barria
    Américas
    URL curta
    828

    Após rumores de atrito entre o presidente Donald Trump e o secretário de Estado, Rex Tillerson, o mandatário republicano negou a crise na relação em entrevista neste sábado (7).

    "Nós temos um relacionamento muito bom [com Tillerson]. Nós discordamos em algumas coisas, às vezes eu gostaria que ele fosse um pouco mais duro. Mas, tirando isso, temos um relacionamento muito bom", disse Trump em coletiva transmitida pela CBS.

    Segundo a NBC, Tillerson teria chamado Trump de "idiota" e a relação entre os dois estaria deteriorada. Os problemas estariam levando o secretário de Estado a cogitar entregar seu cargo.

    A possível crise no relacionamento também foi explorada por outros veículos da imprensa, como a CNN, que afirmou ter confirmado com dez fontes na Casa Branca e nos círculos diplomáticos "que as relações entre Tillerson e Trump estão vivendo o seu ponto mais baixo".

    Diante da repercussão, Tillerson afirmou que pretende permanecer no cargo, mas não negou ter chamado Trump de "idiota".

    Mais:

    Irã: Trump não pode reverter acordo nuclear
    Califórnia desafia Trump e se declara como 'Estado santuário' para imigrantes
    Casa Branca: 'Trump está protegendo o mundo do caos'
    Trump: 'comunismo é o passado, a liberdade é o futuro'
    Eleição de Trump dá 'destaque' ao risco nuclear, dizem vencedores do Nobel da Paz
    É minha festa! Putin não pretende ter conversa telefônica com Trump em seu aniversário
    Tags:
    Departamento de Estado dos EUA, Rex Tillerson, Donald Trump, Estados Unidos
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik