06:02 28 Maio 2020
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    0 30
    Nos siga no

    As imagens do Caribe foram captadas pelo satélite Lansat 8 da NASA em 25 de agosto e em 10 de setembro para mostrar mudanças em sua aparência depois da passagem do furacão Irma.

    As consequências graves que deixou o furacão Irma, que passou pelas ilhas do Caribe, são evidentes até mesmo do espaço.

    Uma série de fotografias comparativas, publicada pelo Observatório da Terra da NASA, mostra as Ilhas Virgens Britânicas e dos Estados Unidos antes e depois da tempestade. Claramente, dá para perceber como as ilhas mudaram de aparência, obtendo uma cor marrom.

    Comparação das imagens das Ilhas Virgens Britânicas e dos Estados Unidos em 25 de agosto e em 10 de setembro
    Comparação das imagens das Ilhas Virgens Britânicas e dos Estados Unidos em 25 de agosto e em 10 de setembro

    De acordo com o observatório, existem várias razões possíveis para explicar a alteração significativa na paisagem. Por um lado, a exuberante vegetação tropical pôde ter sido arrancada pelos ventos fortes-o furacão alcançou a categoria máxima de 5, com ventos de até 280 km/h.

    Por outro lado, a cor pode ser um produto do excesso de sal proveniente da água de mar arrastrada pelo furacão, o que provocou o escurecimento das folhas das árvores.

    Comparação das imagens das Ilhas Virgens Britânicas e dos Estados Unidos antes de passagem do furacão Irma e depois
    Comparação das imagens das Ilhas Virgens Britânicas e dos Estados Unidos antes de passagem do furacão Irma e depois

    O furacão Irma, uma tempestade de categoria 5, atravessou as ilhas do Caribe Oriental na quarta-feira,  deixando uma trilha de destruição em seu caminho, incluindo os territórios ultramarinos franceses de São Martinho e São Bartolomeu. Na sexta-feira, o furacão atingiu Cuba e continuou em direção à Flórida.

    Mais:

    Furacão Irma seria um 'invento do homem'?
    Diretor de redes sociais de Trump publica vídeo falso sobre furacão Irma
    Gravação impressionante da NASA: passagem do Irma pelo Atlântico em 30 segundos (VÍDEO)
    Imagens captaram o 'rosto' do furacão Irma (VÍDEOS)
    Prejuízo provocado pelo furacão Irma pode atingir US$ 200 bi
    Tags:
    espaço, satélite, alteração, consequências, furacão Irma, NASA, Ilhas Virgens Americanas, Ilhas Virgens Britânicas, Caribe, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar