05:11 11 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    954
    Nos siga no

    O governo peruano pediu ao embaixador da Coreia do Norte para reduzir pela metade o número de funcionários da sua embaixada, informou a mídia sul-coreana.

    O canal de televisão KBS citou a rádio Voz da América que, por sua vez, referiu um relatório do Peru apresentado no final de junho ao Conselho de Segurança da ONU.

    De acordo com este documento, em 2 de abril o Peru enviou uma carta oficial ao embaixador norte-coreano em Lima para informá-lo que o governo peruano limitaria a três (dos atuais seis) o número de funcionários desta missão diplomática, dando 90 dias para fazer o corte.

    No mês seguinte, o governo peruano indeferiu o pedido de visto temporário a três diplomatas norte-coreanos, em conformidade com a Resolução 2321 do Conselho de Segurança das Nações Unidas.

    Segundo o artigo 15 da resolução, adotada em 2016, todos os países membros da ONU podem restringir a entrada de membros do Governo da República Popular Democrática da Coreia (Coreia do Norte) se determinarem que esses funcionários estão ligados a programas nucleares, de mísseis balísticos ou outras atividades proibidas.

    Mais:

    Coreia do Norte: EUA estão brincando com fogo em cima da pólvora
    Congelamento nuclear da Coreia do Norte não é o bastante, diz secretário dos EUA
    Míssil lançado pela Coreia do Norte é um tipo nunca antes visto, diz Pentágono
    Tags:
    embaixada, diplomacia, Ministério das Relações Exteriores da Coreia do Norte, Conselho de Segurança da ONU, ONU, Lima, Peru, Coreia do Norte
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar