04:39 15 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    Voo da aviação russa na Síria

    Washington busca resposta às ações da Rússia na Síria

    Ministério da Defesa
    Américas
    URL curta
    22129
    Nos siga no

    Rex Tillerson, secretário de Estado dos EUA, declarou que a resposta às últimas ações da Rússia na Síria está sendo discutida em Washington.

    "Estamos negociando", disse ele respondendo à questão de jornalistas sobre possíveis medidas de resposta à Rússia. O secretário de Estado norte-americano não precisou quem está realizando essas negociações.

    A coalizão internacional liderada pelos EUA que luta contra o Daesh (organização terrorista proibida na Rússia) na Síria confirmou ter derrubado um avião sírio Su-22 na província de Raqqa após este ter supostamente lançado bombas próximo das posições da oposição síria (Forças Democráticas Sírias).

    Os militares russos responderam com a suspensão da cooperação com o Pentágono que visava evitar incidentes no espaço aéreo sírio. A partir de 19 de junho, a aviação e drones da coalizão internacional serão seguidos e considerados alvos pelas unidades da defesa antiaérea russa, declarou o Ministério da Defesa da Rússia.

    Na terça-feira (20) Um avião de combate norte-americano derrubou um drone Shaheed-129 de fabricação iraniana perto da cidade síria de Tanf, após a constatação da coalizão internacional de que o veículo não tripulado representava ameaça para as suas forças.

    Mais:

    Coalizão liderada pelos EUA confirma derrubada de veículo não tripulado da Síria
    Síria está se preparando para dar resposta à derrubada de seu avião
    Senador americano: base dos EUA na Síria é violação óbvia do direito internacional
    Su-22 derrubado: guerra na Síria está entrando em uma nova fase?
    Tags:
    coalizão internacional, derrubada, drone, Su-22, Rex Tillerson, Rússia, EUA, Síria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar