15:47 22 Agosto 2017
Ouvir Rádio
    Senador norte-americano John McCain

    Chancelaria russa responde às palavras ofensivas do senador McCain

    © AP Photo/ Matt York
    Américas
    URL curta
    903002240

    A chancelaria russa comentou as recentes palavras ofensivas do senador americano John McCain em relação ao presidente russo e a um ministro. A porta-voz do Ministério das Relações Exteriores, Maria Zakharova, declarou que McCain não suscita nada além de piedade.

    Lembramos que McCain disse que o chanceler russo Sergei Lavrov "não tem nada que fazer no Salão Oval". Ele fez esta declaração no programa Sunday do canal Fox News, comentando a recente reunião entre Lavrov e Donald Trump em Washington realizada em 10 de maio.

    McCain chamou o ministro russo de "fantoche do bandido e assassino" e "propagandista e cúmplice" de Vladimir Putin. O senador acusou o presidente russo de "utilizar armas de alta precisão para ataques contra hospitais em Aleppo".

    "Aparentemente os políticos americanos não são alvo suficiente para McCain, ele tem muito mais veneno. Faz tempo que McCain não provoca mais nenhuma emoção além de piedade", disse a diplomata.

    O chefe do comitê internacional do Conselho da Federação (câmara alta do parlamento russo) Konstantin Kosachev destacou que não se deve prestar a atenção às palavras de McCain.

    "Não tem sentido escutar o que disse exatamente McCain a respeito da Rússia e de seus políticos. Isto porque, no meu ponto de vista, comentar McCain é 'mauvais ton' para qualquer pessoa de bom senso", afirmou Kosachev a Sputnik.

    De acordo com a opinião do senador russo, a tensão russófoba em Washington agora está no  seu auge.

    "Porém, como se pode ver, a posição do McCain não é a opinião mais corrente, é muito mais radical.", adicionou Kosachev.

    Na sua vez, o deputado do comitê dos assuntos internacionais da Duma de Estado (câmara baixa do parlamento russo) Dmitry Novikov não ficou surpreendido com as palavras do senador americano.

    "McCain é um velho guerreiro da Guerra Fria, ele é um famoso provocador e russófobo, por isso dele não se deve esperar nada além de ofensas e malcriação a respeito da Rússia ", declarou Novikov à Sputnik.

    "Porém o fato de ele descarregar sua raiva desta maneira significa que ele se sente inseguro. Tais ataques são um bom indicador para a diplomacia russa", sublinhou o deputado.

    Facebook

    Procure a página Sputnik Brasil no Facebook e descubra as notícias mais importantes. Curta e compartilhe com seus amigos. Ajude-nos a contar sobre o que os outros se calam!

    Mais:

    Chancelaria russa: Moscou reitera disponibilidade para encontro entre Trump e Putin
    Curtidas sem parar: A porta-voz da chancelaria russa posta foto na academia
    Tags:
    relações internacionais, diplomacia, Ministério das Relações Exteriores da Rússia, Senado dos EUA, Dmitry Novikov, Maria Zakharova, Konstantin Kosachev, John McCain, EUA, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik