04:58 27 Outubro 2021
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    001
    Nos siga no

    Robert Gates, ex-secretário da Defesa dos EUA, declarou que durante presidência de Trump as relações entre os EUA e a Rússia pioraram.

    "Acho que uma das coisas que surpreenderam as pessoas é que, depois das eleições [presidenciais nos EUA], as relações entre os Estados Unidos e a Rússia na realidade se tornaram piores", destacou Gates em uma entrevista com CBS.

    O chanceler russo, Sergei Lavrov, em encontro com o presidente dos EUA, Donald Trump, em 10 de maio de 2017, na Casa Branca
    © Foto / Ministério das Relações Exteriores da Rússia
    Ele notou que Trump não faz quaisquer concessões à Rússia. O ex-secretário também apontou o "contraste impressionante" entre a forma como a Casa Branca se relaciona com a China e a Rússia.

    Comentando o encontro de Trump com o chanceler russo, Sergei Lavrov, Gates afirmou que se trata de visitas de rotina, por isso o encontro "não tem nada de especial".
    Ele destacou que o importante são a política e as ações e que, nisso, os norte-americanos têm uma atitude bastante dura [em relação à Rússia].

    Na quarta-feira (10) chanceler russo, Sergei Lavrov, realizou um encontro com o secretário de Estado dos EUA, Rex Tillerson. Em seguida, o ministro russo foi recebido na Casa Branca pelo presidente Trump.

    Mais:

    Senado dos EUA: 'não há provas' de conluio de Trump com a Rússia
    Trump diz que 'fará frente à conduta destrutiva' da Rússia na Síria e Ucrânia
    China comenta 'mérito' de Trump em 'isolar a Rússia na ONU'
    Tags:
    EUA, Rússia, Donald Trump, Sergei Lavrov, Pentágono, relações bilaterais
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar