13:55 26 Setembro 2021
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    004
    Nos siga no

    Aposentados venezuelanos entraram em confronto com as tropas de choque da polícia durante as manifestações contra o governo do presidente Nicolás Maduro, informou a agência Reuters.

    Tropas de choque usaram gás de pimenta diversas vezes para controlar a multidão, à medida que centenas de pensionistas ultrapassaram as linhas da segurança para tentar marchar de uma praça em Caracas, informou Agência Brasil. 

    Desde que iniciou os protestos contra Maduro no início de abril, a oposição da Venezuela busca variar táticas, ao realizar protestos silenciosos e marchas com velas, por exemplo, e marchas para mulheres, músicos e médicos.

    Os apoiadores do governo de Caracas também têm realizado atos. Nesta sexta-feira, o partido governista organizou sua própria marcha de pessoas idosas ao lado do palácio presidencial Miraflores.

    Ao menos 39 pessoas morreram nas agitações desde abril, incluindo manifestantes, simpatizantes do governo, transeuntes e membros das forças da segurança. Centenas também ficaram feridas ou foram presas

    Maduro, sucessor de Hugo Chávez, afirma que seus adversários estão tentando um golpe de Estado com apoio dos Estados Unidos e encorajamento da mídia internacional.

    Mais:

    Parlamento da Venezuela: inflação no ano já é de 92,8%
    Brasil e mais 7 países latino-americanos condenam violência contra civis na Venezuela
    Crise na Venezuela: fenômeno estrutural ou sintoma da queda esquerdista?
    Jovem morre e 160 ficam feridos em protestos da oposição na Venezuela
    OEA planeja reunião para fechar posição sobre Venezuela
    Tags:
    Venezuela, Nicolás Maduro, protestos, manifestações
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar