05:17 15 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    Tanques dos EUA Abrams

    EUA desenvolvem concorrente do tanque russo Armata

    © AP Photo / Khalid Mohammed
    Américas
    URL curta
    58617
    Nos siga no

    Os EUA tencionam construir um tanque Abrams dotado de novos equipamentos e armamento mais eficaz.

    Os analistas militares qualificam este blindado como um "supertanque". Foram os tanques Armata russo e Type 99 chinês que forçaram os militares norte-americanos a produzirem o novo tanque.

    Demonstração do tanque russo T-14 Armata
    Ministry of defence of the Russian Federation
    Demonstração do tanque russo T-14 Armata

    Segundo a revista norte-americana The National Interest, o novo tanque Abrams não vai surgir até 2020. Mas apesar do fato de a informação sobre o tanque ser confidencial, certas caraterísticas são conhecidas.

    Está previsto que o blindado seja equipado de sistemas de pontaria de nova geração e de sensores, câmeras e material eletrônico avançado. Os novos equipamentos permitem obter uma melhor imagem do alvo a longa distância mesmo em caso de obstrução visual como com chuva, nevoeiro ou poeira.

    Os equipamentos especiais oferecem a possibilidade de identificar melhor as fontes luminosas e térmicas do material bélico do inimigo e os sensores meteorológicos vão ajudar a se adaptar mais rapidamente às mudanças das condições meteorológicas.

    ​Segundo a revista, o Abrams vai receber munições polivalentes de 120 mm com largo espetro de ação. Além disso, se prevê o aumento da potência e mobilidade do tanque, a modernização da sua blindagem, dos motores e da transmissão. O novo tanque Abrams deve ser equipado com um sistema avançado de vigilância das forças amigas e inimigas por GPS.

    ​O The National Interest escreve que o tanque será dotado de um sistema de defesa ativa que vai permitir identificar e eliminar os projéteis do inimigo em alguns milissegundos.

    Mais:

    General Dynamics vai ganhar 65 milhões de dólares pela reparação de tanques Abrams
    M1 Abrams vs. T-90: qual é mais vulnerável?
    Tags:
    capacidade militar, defesa, munição, tanque, equipamento, desenvolvimento, blindado, revista, Abrams, Armata, EUA, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar