15:19 20 Novembro 2017
Ouvir Rádio
    Agentes do FBI

    Após visitar Rússia, políticos norte-americanos são investigados pelo FBI

    © Foto:
    Américas
    URL curta
    576110

    A visita oficial de Carter Page, ex-conselheiro do presidente dos EUA, a Moscou em 2013 foi motivo de investigação do FBI, informa o jornal The New York Times, citando fontes dos serviços especiais norte-americanos.

    No entanto, as fontes do NYT não conseguiram indicar com precisão qual dos motivos mais interessou o FBI — os encontros de Page na capital russa, suas conversações interceptadas com autoridades russas sobre negociações ou outros fatores.

    Carte Page inúmeras vezes demonstrou repúdio às pretensões da inteligência de seu país. Além disso, em se tratando das suposições que seja agente secreto russo, ele as considera "completamente falsas".

    Anteriormente, a edição BuzzFeed divulgou informação que, em 2013, Carter Page, consultante na área de energia na época, possuía laços com a inteligência russa. No entanto, ele se tornou conselheiro de Trump somente em 2016.

    Vale ressaltar que a lista de acusações norte-americanas contra Rússia é gigantesca. No ano passado, Rússia foi acusada de interferir nos processos eleitorais dos EUA. Moscou nega todas as acusações do tipo, referindo-se a elas como "infundadas", pois provas não foram apresentadas. O presidente dos EUA apresenta postura semelhante a da capital russa. Segundo ele, essas declarações infundadas são uma "caça às bruxas".

    Mais:

    Mídia: FBI criará departamento exclusivo para questões russas
    FBI publica fotos inéditas do atentado 9/11 contra o Pentágono
    Snowden: 'Alegações do FBI sobre a interferência russa na eleição dos EUA não têm provas'
    FBI verifica sites da Sputnik e RT por 'interferência' nas eleições norte-americanas
    Tags:
    investigação, visita oficial, conselheiro, acusações, agências de inteligência, FBI, Donald Trump, Carter Page, EUA, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik