17:46 04 Dezembro 2020
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    3110
    Nos siga no

    O Departamento do Tesouro dos Estados Unidos publicou nesta quarta-feira uma atualização sobre as sanções impostas ao Serviço Federal de Segurança da Rússia (FSB), para garantir que os americanos com negócios na Rússia não sejam indevidamente afetados.

    "A GL 1 [Licença Geral] autoriza apenas certas transações com o FSB atuando em suas capacidades administrativas e de aplicação da lei", afirmou a atualização. "O GL foi emitido a fim de assegurar que cidadãos dos EUA com determinadas atividades de negócios na Rússia não sejam afetadas ou imputadas indevidamente".

    O Departamento do Tesouro explicou que todas as outras transações envolvendo qualquer propriedade dentro da jurisdição dos EUA ou dentro da posse ou controle de cidadãos dos EUA, nas quais o FSB tenha interesse, não são autorizadas.

    A Licença Geral proíbe a exportação de qualquer hardware ou software ou prestação de serviços diretos ou indiretos para o FSB, ou qualquer outra pessoa ou entidade sancionada, acrescentou a atualização.

    Em 2 de fevereiro, a Casa Branca anunciou que o Departamento do Tesouro havia emitido uma licença permitindo certas transações com o FSB. O serviço de inteligência russo entrou na lista das sanções depois da suposta interferência da Rússia nas eleições presidenciais de 2016 nos EUA.

    O Departamento do Tesouro também autorizou as transações e atividades necessárias para cumprir ações de execução da lei ou investigações envolvendo o FSB.

    A Rússia tem negado repetidamente qualquer interferência nas eleições americanas e considerou absurdas as alegações dos EUA.

    Mais:

    Vice-presidente dos EUA: sanções dependem da resposta da Rússia
    Washington desmente que Trump prometeu à Ucrânia manter sanções contra Rússia
    Preço alto: EUA só retiram sanções se Rússia devolver Crimeia
    Mídia: Trump prepara decreto para levantamento das sanções contra Rússia
    Tags:
    sanções, Departamento do Tesouro, Serviço Federal de Segurança (FSB), Rússia, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar