09:52 20 Setembro 2017
Ouvir Rádio
    Comboio de blindados Stryker do exército americano

    Revelada arma moderna com que EUA planejam fazer frente à Rússia

    © flickr.com/ USAFE
    Américas
    URL curta
    2966971030

    O exército dos EUA recebeu os primeiros protótipos de carros blindados Stryker com poder de fogo aumentado, informa o portal especializado Scout Warrior.

    O novo modelo receberá o nome de Dragoon, referência a um dos nomes do 2º regimento de cavalaria das Forças Armadas dos EUA, que faz parte do contingente europeu de tropas terrestres dos EUA. A principal novidade é seu canhão automático de 30 mm que se distingue da arma anterior — a metralhadora de calibre de 12,7 mm — pelo alcance, poder de fogo e velocidade de tiro.

    De acordo com o diretor de planejamento estratégico da empresa General Dynamics Land Systems, Tim Reese, o novo canhão Stryker dispara duas vezes mais rápido do que a precedente com descargas de cinco tiros. Durante os testes na base de Fort Benning, a arma se mostrou eficaz à distância de até 3 km, contudo os militares destacam a precisão da arma: se a metralhadora se usa frequentemente como ferramenta de fogo de supressão, já o canhão pode dar ao veículo a precisão que ele nunca teve.

    Os veículos blindados de grande mobilidade estão sendo desenvolvidos para grupos de combate de infantaria que muitas vezes se encontram adiantados em relação às outras tropas e ficam sem apoio de fogo e quando o caminho de progressão se torna intransitável para os veículos blindados pesados como, por exemplo, o tanque Abrams e o blindado Bradley.

    Os líderes do exército dos EUA não dizem diretamente que estes veículos se destinam contra a Rússia, mas as declarações deles sobre a "agressão russa" indicam quem é o destinatário desta mensagem, destaca Kris Osborn, analista da edição Scout Warrior.

    "A pesquisa do centro RAND revelou que o exército russo pode atravessar os Estados Bálticos apenas em 60 horas, tomando em conta a pequena quantidade de tropas da OTAN na região. Neste cenário não é difícil pressupor que o Pentágono e a Aliança preparam uma série de medidas para reforçar suas posições na Europa", destacou o observador.

    O general Daniel Allen, vice-comandante das tropas terrestres dos EUA, declarou que os veículos blindados com poder de fogo aumentado foram criados para fazer frente aos seus análogos russos.

    Mais:

    EUA pretendem instalar em breve caças F-35 na Europa
    'Envio de divisão especial dos EUA à Europa Oriental é um grito de guerra'
    Por que porta-aviões russo Admiral Kuznetsov é melhor que os rivais da OTAN? (VÍDEO)
    Caças da OTAN continuam voos de treino sobre a Estônia
    Tags:
    tensão militar, armas, modernização, veículo blindado, OTAN, Rússia, Europa, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik