09:28 18 Outubro 2018
Ouvir Rádio
    Bandeiras dos EUA e da Rússia

    Parlamentar russo: senadores dos EUA tentam sabotar as relações com a Rússia

    © Sputnik / Sergei Pyatakov
    Américas
    URL curta
    1113

    A exigência, feita por um grupo de senadores dos EUA ao presidente eleito do país, Donald Trump, para tornar mais rigorosa a política norte-americana em relação à Rússia é mais uma tentativa de sabotar a normalização das relações entre Moscou e Washington, disse o senador russo Aleksei Pushkov.

    Mais cedo, a imprensa divulgou que um grupo de senadores do Congresso dos EUA enviaram uma carta ao Donald Trump, solicitando a adoção de uma política rigorosa em relação à Rússia, em função da situação na Ucrânia.

    “Os 27 senadores cobraram de Trump que pressionasse a Rússia em função da Ucrânia. Mais uma tentativa de sabotar a normalização das relações. Não há outro sentido para isso”, escreveu Pushkov em sua conta no Twitter.  

    Segundo Pushkov, a “linha dura” em relação à Rússia não trouxe nada de positivo para a atual administração dos EUA. 

    “Os senadores esqueceram que a adoção de uma linha dura em relação à Rússia em função da Ucrânia não levou Obama ao sucesso. Exigir de Trump a repetição dos erros de Obama não é algo inteligente”, concluiu o senador russo.

    Mais:

    Opinião: Rússia não deve esperar ser tratada 'com tapete vermelho' pela equipe de Trump
    Degelo no horizonte? Trump tenciona 'dar alguns passos ao encontro da Rússia'
    Lavrov: Rússia cooperará com Trump no combate ao terrorismo
    Chefe da CIA aconselha Trump a não confiar na Rússia e preservar acordo nuclear com Irã
    Tags:
    relações bilaterais, Congresso dos EUA, Barack Obama, Donald Trump, Aleksei Pushkov, EUA, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik