08:08 29 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Américas
    URL curta
    3447
    Nos siga no

    Prefeita concordou com post em rede social que chamava primeira-dama americana de "macaca de salto alto".

    A prefeita da pequena cidade de Clay, Beverly Whaling renunciou hoje depois de uma avassaladora polêmica quanto a um post racista no Facebook sobre Michelle Obama. A diretora de Clay County Development Corp., Pamela Ramsey, teria postado depois da eleição de Donald Trump: "Será refrescante ter uma Primeira Dama digna, elegante e bonita na Casa Branca. Estou cansada de ver uma macaca de salto alto". Whaling comentou na publicação, já apagada: "você fez o meu dia, Pam".

    Michelle Obama
    © AP Photo / Andrew Harnik
    O post viralizou rapidamente e uma petição foi criada on-line pedindo a renúncia de ambas as mulheres. O endereço alcançou quase 160 mil assinaturas vindas de todos os Estados Unidos. Ramsey foi demitida e Whaling, forçada a renunciar.

    Ao Washington Post, a agora ex-prefeita pediu desculpas e disse que o post "não teve qualquer intenção de ser racista".

    Mais:

    Michelle Obama é criticada por omitir Mães e Avós de Maio em discurso na Argentina
    Desenhos animados soviéticos provocam racismo
    Qual é a ligação entre racismo ocidental e o Daesh?
    Qual delas plagia as ideias? Melania Trump vs Michelle Obama
    Tags:
    The Washington Post, Clay County Development Corp, Pamela Ramsey, Beverly Whaling, Donald Trump, Michelle Obama, Clay, Estados Unidos
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar