20:32 16 Dezembro 2017
Ouvir Rádio
    Caminhão com inscrição Wikileaks em frente à Casa Branca, em Washington DC, Estados Unidos

    Novas revelações sobre e-mails de Clinton a caminho

    © flickr.com/ Wikileaks Mobile Informat
    Américas
    URL curta
    Eleições nos EUA (112)
    0 140

    WikiLeaks publicou mais uma parte dos e-mails do chamado "dossiê Podesta" (#PodestaFiles), pelo nome do chefe da campanha de Hillary Clinton, John Podesta.

    A 22ª parte dos e-mails classificados foi tornada pública neste sábado (29). A primeira parte tinha sido publicada em 8 de outubro, a administração do site vazador publica porções de vários milhares de mensagens por dia. Com o vazamento da última parte, a publicação já tem mais de 36 milhares de mensagens em acesso aberto.

    Os e-mails revelam que o atual colunista americano e ex-assistente do senador americano Lloyd Bentsen, Brent Budowsky, mostrou seu descontentamento com ações da candidata democrata Hillary Clinton e pôs seu lugar à disposição, não obstante ser apoiante do Partido Democrata.

    Ele declarou que era o único democrata não pago que a apoiava, mas que lamentou este fato após o discurso de Clinton em Ohio.

    Tema:
    Eleições nos EUA (112)

    Mais:

    WikiLeaks publica 9º lote de polêmicos e-mails da campanha de Hillary Clinton
    Tags:
    campanha eleitoral, WikiLeaks, John Podesta, Hillary Clinton, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik