18:16 21 Fevereiro 2018
Ouvir Rádio
    Senado dos EUA em Washington

    Moscou: 'Washington mais uma vez mostra-se ignorante quanto ao direito internacional'

    © flickr.com/ rj_schmidt
    Américas
    URL curta
    191

    A assessoria de imprensa do Ministério das Relações Exteriores acredita que Washington mais uma vez mostra-se ignorante quanto ao direito internacional por adotar a Lei da Justiça Contra Patrocinadores do Terrorismo.

    A lei (JASTA, sigla em inglês) chamada de antissaudita, permite aos familiares das vítimas dos ataques de 11 de setembro de 2001 de processar a Arábia Saudita, sendo este suspeito de ligação com os terroristas que sequestraram os aviões derrubados.  

    "Os EUA, onde políticos acreditam demasiadamente na sua 'exclusividade', continuam persistentemente proliferando a sua jurisdição em todo o mundo, sem respeitar o conceito de soberania nacional e bom senso", avaliou a lei a diplomacia russa.

    O Ministério do Exterior destacou que "chegou ao ponto, nesse caso, que até a administração de Barack Obama, que usa e abusa da chantagem jurídica contra outros países, posicionou-se contra… Entretanto, o Congresso norte-americano anulou o veto devido à agiotagem eleitoral". 

    A Câmara dos Representantes dos EUA aprovou a eliminação do veto com 348 votos a favor e 77 contra. O Senado contou com 97 votos a favor e apenas 1 contra.

    Mais:

    Deterioração nas relações entre Arábia Saudita e EUA é iminente?
    Documentos secretos indicam envolvimento de funcionários sauditas no 11 de setembro
    Tags:
    11/09, Barack Obama, Rússia, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik