Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Irã detém diplomata do Reino Unido por suposta espionagem, diz mídia iraniana

© AP Photo / Vahid SalemiEm Teerã, capital iraniana, um clérigo caminha em frente a mísseis durante uma exibição militar, em 7 de fevereiro de 2022
Em Teerã, capital iraniana, um clérigo caminha em frente a mísseis durante uma exibição militar, em 7 de fevereiro de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 06.07.2022
Nos siga noTelegram
Um diplomata britânico e dois outros estrangeiros foram detidos por autoridades militares iranianas após acusações de espionagem, informou a imprensa iraniana nesta quarta-feira (6).
O segundo diplomata mais importante do Reino Unido em Teerã está entre os três estrangeiros que foram presos pelo Corpo de Guardiões da Revolução Islâmica (IRGC, na sigla em inglês) por supostas atividades de espionagem.
Giles Whitaker, vice-chefe da embaixada do Reino Unido em Teerã, é acusado de coletar amostras de solo em uma área restrita, informou a agência de notícias estatal iraniana IRNA, dizendo que os estrangeiros foram presos, embora não tenha esclarecido se eles estavam atualmente sob custódia.
O Irã acrescentou que pretende revelar imagens de vídeo com o diplomata, acompanhado por familiares, coletando amostras de solo no deserto iraniano em uma localidade onde exercícios de mísseis são realizados.
O major-general do exército israelense Eyal Zamir, chefe do comando sul, observa enquanto está perto da fronteira Israel-Gaza no kibutz sul de Nahal Oz em 20 de abril de 2018 - Sputnik Brasil, 1920, 06.07.2022
Panorama internacional
Forte candidato à chefia das Forças Armadas de Israel sugere assassinar líderes militares do Irã
Os outros detidos foram identificados como marido de um diplomata da Áustria e Maciej Walczak, professor universitário polonês que estava visitando o país em um programa de intercâmbio científico.
O professor polonês é supostamente de uma universidade que a emissora iraniana disse estar "associada ao regime sionista".
Whitaker é vice-chefe da embaixada britânica em Teerã desde novembro de 2018. Sua carreira no governo do Reino Unido já dura mais de três décadas e inclui passagens em embaixadas em Moscou e Berlim, bem como na sede da OTAN (Organização do Tratado do Atlântico Norte) em Bruxelas.
Posteriormente, o Ministério das Relações Exteriores do Reino Unido descreveu os relatos da imprensa iraniana como "completamente falsos".
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала