Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Reino Unido deve fornecer US$ 525 milhões adicionais em garantias de empréstimos para Kiev

© AP PhotoO primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson (à esquerda), caminha ao lado do presidente ucraniano, Vladimir Zelensky (à direita), em Kiev, Ucrânia, 9 de abril de 2022
O primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson (à esquerda), caminha ao lado do presidente ucraniano, Vladimir Zelensky (à direita), em Kiev, Ucrânia, 9 de abril de 2022  - Sputnik Brasil, 1920, 25.06.2022
Nos siga noTelegram
O Reino Unido planeja apoiar a Ucrânia com US$ 525 milhões (R$ 2,75 bilhões) adicionais em garantias para empréstimos do Banco Mundial ainda este ano, afirmou o governo britânico neste sábado (25).
"O governo ucraniano teme que possa ficar sem financiamento até meados de setembro, a menos que receba ajuda financeira urgente ainda neste ano", disse o gabinete do primeiro-ministro Boris Johnson em comunicado.
Primeiro-ministro britânico, Boris Johnson (à direita), e o presidente ucraniano, Vladimir Zelensky (à esquerda) - Sputnik Brasil, 1920, 20.06.2022
Panorama internacional
'Difícil entender o que querem': plano do Reino Unido para arrastar crise na Ucrânia é viável?
De acordo com o comunicado, a nova ajuda eleva o valor total do apoio fiscal, incluindo garantias de empréstimos do Reino Unido, para US$ 1,5 bilhão (R$ 7,87 bilhões), enquanto o apoio econômico e humanitário combinado do Reino Unido à Ucrânia este ano agora será de US$ 1,8 bilhão (R$ 9,44 bilhões).
O governo britânico enfatizou que Johnson planeja usar a cúpula do G7 para incentivar mais apoio de longo prazo à Ucrânia.
A cúpula do G7 será realizada no castelo bávaro de Schloss Elmau a partir deste domingo (26) até terça-feira (28).
Bandeiras do Reino Unido e da Rússia - Sputnik Brasil, 1920, 23.06.2022
Panorama internacional
Reino Unido impõe novas sanções contra a Rússia
No início deste mês, Johnson disse que sua visita inesperada a Kiev e seu encontro com o presidente ucraniano Vladimir Zelensky, em 17 de junho, foi para mostrar o apoio de Londres em um momento em que outros países estão começando a se cansar da questão da Ucrânia.
A Rússia lançou sua operação militar especial na Ucrânia em 24 de fevereiro, depois que as Repúblicas Populares de Donetsk e Lugansk (RPD e RPL) pediram ajuda para se defenderem da intensificação dos ataques ucranianos.
Em resposta à operação da Rússia, os países ocidentais lançaram uma ampla campanha de sanções contra Moscou e forneceram somas bilionárias em armas para a Ucrânia.
O primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson, fala com membros da mídia depois de chegar à RAF Brize Norton, em 18 de junho de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 23.06.2022
Panorama internacional
Boris Johnson: ucranianos que chegam ilegalmente ao Reino Unido podem ser enviados para Ruanda
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала