- Sputnik Brasil, 1920
Notícias do Brasil
Notícias sobre política, economia e sociedade do Brasil. Entrevistas e análises de especialistas sobre assuntos que importam ao país.

Defesa do Brasil negocia com SAAB compra de mais 30 caças Gripen F-39 após pedido da Aeronáutica

© Foto / Isac Nóbrega/Divulgação/Palácio do PlanaltoPrimeira aeronave multimissão F-39E Gripen é apresentada oficialmente na Base Aérea de Brasília.
Primeira aeronave multimissão F-39E Gripen é apresentada oficialmente na Base Aérea de Brasília. - Sputnik Brasil, 1920, 23.06.2022
Nos siga noTelegram
Os diálogos para compra de mais 30 caças, além dos 36 já previstos, ainda estão em andamento entre a pasta da Defesa brasileira e a empresa sueca. O pedido das aeronaves extras partiu do comandante da Aeronáutica.
Em uma reunião na terça-feira (23) entre o CEO da Saab, Micael Johansson, e o ministro da Defesa, Paulo Sérgio Nogueira, o governo federal começou a negociar com a empresa a aquisição de 30 caças suecos Gripen F-39, sendo 26 além das 36 já previstas no acordo firmado entre as partes em 2013, e outras quatro em um aditivo ao contrato antigo.
Para tal, teria que ser firmado um novo acordo entre o Brasil e a empresa. O lote extra é um pedido do comandante da aeronáutica, Carlos de Almeida Baptista Junior, segundo o jornal Valor Econômico. Entretanto, a mídia afirma que as conversas ainda estão em fase preliminar.
"Nós conversamos [com o ministro da Defesa] sobre como podemos ajudar a trazer mais expertise para o Brasil no futuro. Não é só o sistema dos caças, que é o ponto principal. O comandante da Aeronáutica disse que quer adicionar quatro aeronaves para o contrato atual. E afirmou que pretende começar discussões sobre um próximo acordo, cerca de 26 aeronaves. E obviamente nós discutimos isso, claro. É o começo de uma discussão", afirmou Micael Johansson ao jornal.
Sobre o possível novo contrato, Johansson disse que ainda é preciso discutir questões como prazos, preços e o que será fabricado no Brasil ou na Suécia, além de outros aspectos.
O desejo brasileiro pelos Gripen está levando a Força Aérea Brasileira (FAB) a reduzir as encomendas do cargueiro KC-390, da Embraer. A previsão de entregas caiu de 28 aeronaves, no contrato inicial, para 15, em reduções unilaterais feitas pela Aeronáutica duas vezes neste ano, conforme noticiado.
O cargueiro KC-390, da Embraer - Sputnik Brasil, 1920, 16.06.2022
Notícias do Brasil
Embraer venderá cargueiros KC-390 aos Países Baixos
Segundo a mídia, com dezenas de novos caças suecos no horizonte, o Brasil planeja instalá-los em uma nova base, em local ainda indeterminado – a previsão inicial era que ficassem todos em Anápolis (GO).
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала