Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Nação asiática quer estabelecer missão na OTAN

© AFP 2022 / ANTHONY WALLACESoldado do Exército da Coreia do Sul discursa durante Exposição Internacional Aeroespacial e de Defesa (Adex, na sigla em inglês) da capital sul-coreana, Seul
Soldado do Exército da Coreia do Sul discursa durante Exposição Internacional Aeroespacial e de Defesa (Adex, na sigla em inglês) da capital sul-coreana, Seul - Sputnik Brasil, 1920, 22.06.2022
Nos siga noTelegram
A Coreia do Sul está procurando reforçar seus laços com a OTAN (Organização do Tratado do Atlântico Norte), citando como motivo a situação de segurança internacional "imprevisível".
A Coreia do Sul está planejando estabelecer uma missão na sede da OTAN, na Europa, revelou o conselheiro de segurança nacional do país, Kim Sung-han, nesta quarta-feira (22).
Seul é um aliado de longa data de Washington e está buscando reforçar sua cooperação com a aliança liderada pelos EUA diante de uma situação internacional "imprevisível", conforme explicou o funcionário.
"Ao estabelecer uma missão da OTAN em Bruxelas, na Bélgica, onde a aliança está sediada, poderemos aumentar o compartilhamento de informações e fortalecer nossas redes com membros da OTAN e nações parceiras", afirmou Kim durante uma entrevista coletiva.
Secretário-geral da OTAN, Jens Stoltenberg, responde às perguntas dos jornalistas após reunião do Conselho OTAN-Rússia em Bruxelas  - Sputnik Brasil, 1920, 22.06.2022
Panorama internacional
Derrota na Ucrânia significaria fim da OTAN, diz ex-inspetor de armamento da ONU
Segundo informações do jornal The Korea Times, espera-se que a nova missão seja chefiada pelo enviado da Coreia do Sul à Bélgica, Yoon Soongu.
Não ficou imediatamente claro se ele manteria seus cargos atuais, já que o enviado também atua como embaixador na União Europeia.
O presidente do país, Yoon Suk-yeol, deve participar da próxima cúpula da OTAN, em Madri, marcada para os dias 29 e 30, sendo essa a primeira participação de um chefe de Estado sul-coreano em um encontro da aliança militar.
Presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan, faz o discurso durante a cúpula da OTAN em Bruxelas, 14 de junho de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 21.06.2022
Panorama internacional
Saída de Ancara da OTAN 'prejudicará planos' de Washington, opina jornal turco
Além do líder sul-coreano, espera-se que a reunião da OTAN receba, também pela primeira vez, outros líderes de países da região Ásia-Pacífico, como Austrália, Japão e Nova Zelândia.
Embora sejam esperadas discussões em torno do conflito em curso entre a Ucrânia e a Rússia, a cúpula também abordará os "desafios" apresentados pela China, revelou o secretário-geral da OTAN, Jens Stoltenberg.
"Pela primeira vez, abordaremos a China e os desafios que ela representa para nossos interesses, segurança e valores", disse Stoltenberg ao Politico, em entrevista publicada nesta quarta-feira (22).
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала