Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Ucrânia lança 20 foguetes BM-21 Grad contra Donetsk, diz centro de controle da RPD

© Sputnik / Konstantin Mikhalchevsky / Abrir o banco de imagensMunições encontradas por funcionários do Ministério para Situações de Emergência da Rússia durante trabalho em escombros de casas de Mariupol, na República Popular de Donetsk (RPD)
Munições encontradas por funcionários do Ministério para Situações de Emergência da Rússia durante trabalho em escombros de casas de Mariupol, na República Popular de Donetsk (RPD) - Sputnik Brasil, 1920, 13.06.2022
Nos siga noTelegram
Nesta segunda-feira (13), tropas ucranianas lançaram contra a cidade de Donetsk pelo menos 20 foguetes modelo BM-21 Grad, conforme afirmou o Centro de Controle e Coordenação da República Popular de Donetsk (RPD).
Os foguetes atingiram o distrito de Kirovskyi, segundo publicou o centro de controle em seu canal no Telegram. Não há relatos sobre mortos, feridos ou danos materiais na região.
Donestk é a principal cidade da RPD, uma das repúblicas populares da região de Donbass, recém-reconhecidas por Moscou. A região é alvo de ataques ucranianos anteriores à operação militar especial russa na Ucrânia.
© AFP 2022 / Aris MessinisBandeira da Ucrânia ondulando em Stoyanka, a oeste de Kiev, 4 de março de 2022
Bandeira da Ucrânia ondulando em Stoyanka, a oeste de Kiev, 4 de março de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 13.06.2022
Bandeira da Ucrânia ondulando em Stoyanka, a oeste de Kiev, 4 de março de 2022
A operação foi deflagrada no final de fevereiro após a RPD e também a República Popular de Lugansk solicitarem apoio militar a Rússia conforme aumentaram as violações de cessar-fogo na região por parte de Kiev.
Em resposta à operação militar, os EUA e seus aliados seguem enviando armas para a região e aplicaram sanções econômicas em um volume inédito contra a Rússia, incluindo os setores de energia e as reservas internacionais de Moscou.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала