Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Biden chama preços recordes de combustível nos EUA de 'subproduto' da ajuda à Ucrânia

© AP Photo / David ZalubowskiPreços por galão são exibidos em rótulos de várias categorias de gasolina em uma bomba da Shell, na cidade de Littleton, em 9 de junho de 2022
Preços por galão são exibidos em rótulos de várias categorias de gasolina em uma bomba da Shell, na cidade de Littleton, em 9 de junho de 2022  - Sputnik Brasil, 1920, 12.06.2022
Nos siga noTelegram
Presidente dos EUA Joe Biden diz que o aumento dos preços dos combustíveis e a inflação no país são o subproduto esperado de ajudar as autoridades de Kiev.
"E o – e o subproduto – e eu disse na época, quando decidimos que iríamos ajudar a Ucrânia – o ponto que eu me estava referindo era que isso também nos iria custar. Vai custar aos países ocidentais. Vai custar à OTAN. Vai custar aos países europeus e nos custar a nós. Porque vocês sabem o que vai acontecer: o custo da gasolina e do petróleo ia subir, e o custo dos alimentos ia subir", disse Biden em suas observações publicadas pela Casa Branca.
Presidente norte-americano enfatizou que a Ucrânia e a Rússia representam uma grande parcela da produção de trigo e milho no mercado mundial e uma das maneiras de combater a inflação é garantir acesso seguro a grãos e fertilizantes, o que reduzirá o custo dos alimentos.

"E nós estamos tentando reduzir o preço do combustível, fazer com que não suba tão rapidamente como agora. Consegui liberar um milhão de barris por dia da Reserva Estratégica de Petróleo e convencer os nossos aliados a adicionar mais 240 milhões de barris por dia – 240 milhões de barris a fim de impedir que o preço suba mais", disse Biden, acrescentando, no entanto, que "vamos viver com essa inflação por um tempo. Vai descer gradualmente, mas vamos viver com isso por um tempo".

Janet Yellen, secretária do Tesouro dos EUA, durante coletiva de imprensa no Departamento do Tesouro em Washington, EUA, 21 de abril de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 09.06.2022
Panorama internacional
Sanções contra Rússia atingem combustíveis e alimentos nos EUA, admite secretária do Tesouro
Após o início da operação militar especial da Rússia na Ucrânia, os países ocidentais e seus aliados lançaram uma ampla campanha de sanções contra Moscou, que teve um forte efeito negativo sobre as economias dos países que introduziram as restrições, levando a um aumento significativo dos preços da gasolina, entre outras coisas.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала