Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Americano ataca embaixada chinesa nos EUA com bomba incendiária

© AFP 2022 / CHIP SOMODEVILLAEmbaixada chinesa em Washington, EUA
Embaixada chinesa em Washington, EUA - Sputnik Brasil, 1920, 11.06.2022
Nos siga noTelegram
Um norte-americano, proveniente de Chicago, tentou lançar uma bomba incendiária contra a embaixada chinesa nos EUA.
O homem, chamado Benjamin Grabinski, foi preso na quinta-feira (9), depois de tentar lançar uma garrafa sobre o portão da embaixada chinesa, em Washington.
Na ocasião, Grabinski caminhou até a embaixada segurando um coquetel Molotov e tentou incendiar o local, contudo algo deu errado, e o homem não conseguiu acender a bomba, livrando-se da garrafa e fugindo logo em seguida.
O ministro da Defesa da China, Wei Fenghe, participa da recepção de abertura na cúpula do Diálogo Shangri-La em Cingapura em 10 de junho de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 10.06.2022
Panorama internacional
Pela 1ª vez, chefes da Defesa de China e EUA se reúnem e Pequim diz: Taiwan é nosso território
Posteriormente, ele foi detido pelo Serviço Secreto dos EUA, e na sexta-feira (10), a juíza Zia Faruqui ordenou uma avaliação mental de Grabinski, que por sua vez, pediu para ficar em "isolamento" na prisão, para não precisar "recorrer a uma gangue de supremacia branca para sobreviver", informou o jornal Politico.
Anteriormente, Grabinski já havia sido abordado no local, e em outra ocasião, teria supostamente lançado uma pedra contra a embaixada chinesa.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала