Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Alemanha enfrentará final de ano muito duro em termos energéticos, avisa ministro da Economia

© AFP 2022 / Lennart PreissInstalações de gás natural da Uniper em Bierwang, Alemanha, 10 de junho de 2022
Instalações de gás natural da Uniper em Bierwang, Alemanha, 10 de junho de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 11.06.2022
Nos siga noTelegram
Robert Habeck, ministro da Economia da Alemanha, um país com alta dependência energética da Rússia, advertiu que o outono e o inverno serão difíceis em termos de fornecimento de energia.
Os últimos meses deste ano serão difíceis no que toca ao fornecimento de energia para a Alemanha, disse na sexta-feira (10) Robert Habeck, vice-chanceler e ministro da Economia do país.
"Quanto ao apoio às pessoas com necessidades, deixei claro o que nos espera e o que já é em parte uma realidade, mas que ainda não se tornou realidade definitivamente. Precisamos ser claros de que temos um outono e um inverno [europeus] muito duros pela frente", sinalizou Habeck.
"Dois pacotes legislativos de medidas de alívio que nós, como governo, criamos, têm as respostas", prometeu ele durante apresentação de uma nova iniciativa de poupança de energia em Berlim.
A inscrição em uma placa diz 'Uwaga gaz' (gás de atenção) no ponto de transmissão de gás em Rembelszczyzna, perto de Varsóvia, em 27 de abril de 2022. - Sputnik Brasil, 1920, 02.06.2022
Panorama internacional
Crise energética: britânicos e holandeses aprovam projetos para exploração de gás no mar do Norte
Em maio, Fatih Birol, diretor executivo da Agência Internacional de Energia, expressou uma opinião semelhante, advertindo que o gás pode ter que ser racionado no inverno, particularmente em países que dependem especialmente de entregas da Rússia, entre os quais está a Alemanha.
Em 30 de maio, durante uma cúpula em Bruxelas, os líderes da UE chegaram a um acordo para embargar o petróleo russo transportado por mar como parte da sexta rodada de sanções, em resposta à operação militar especial da Rússia na Ucrânia.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала