Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Pesquisa revela que Israel invadiu o espaço aéreo do Líbano 22 mil vezes em 15 anos

CC0 / Robert Sullivan / Israeli F-35 “Adir” receives fuelCaça F-35 da Força Aérea Israelense, conhecido como Adir, em 6 de dezembro de 2016 (foto de arquivo)
Caça F-35 da Força Aérea Israelense, conhecido como Adir, em 6 de dezembro de 2016 (foto de arquivo) - Sputnik Brasil, 1920, 09.06.2022
Nos siga noTelegram
Estudo documenta pelo menos 22 mil sobrevoos de Israel no Líbano nos últimos 15 anos, bem como o efeito psicológico na população libanesa.
Acirrando tensões em diversos episódios, Líbano e Israel permanecem em conflito desde a retirada israelense do sul de Beirute, em 2000.
De acordo com o portal Air Pressure, pelo menos 22 mil sobrevoos foram documentados nos últimos 15 anos, "fazendo uma trilha sonora permanente" que afeta psicologicamente a população do país.
Por décadas, "o rugido dos jatos israelenses e o zumbido dos drones de vigilância têm sido características regulares nos céus do Líbano, um lembrete de que a guerra nunca está longe", escreve a publicação.
A pesquisa mostra que aviões israelenses ocuparam os céus do Líbano por um total de oito anos e meio nos últimos 15 anos. Poucas incursões foram breves, tendo a média de duração sido de quatro horas e 35 minutos.
Na cidade de Metula, no norte de Israel, perto da fronteira com o Líbano, pessoas hasteiam bandeiras do Hezbollah, Líbano e Palestina durante manifestação em solidariedade aos palestinos, nos arredores da aldeia do sul do Líbano de Kfarkila. Foto de arquivo - Sputnik Brasil, 1920, 25.04.2022
Panorama internacional
Israel diz que usará 'força necessária' se mais ataques de foguete do Líbano continuarem a acontecer
A maioria envolve os aviões de combate ou as aeronaves de vigilância tecnicamente mais avançados do mundo, contra os quais as defesas terrestres libanesas não oferecem resistência.
O estudo revela que a exposição regular aos sobrevoos de aviões de guerra provocou efeitos fisiológicos agudos, com sintomas que variam de hipertensão e diminuição da circulação sanguínea a dores psicossomáticas.
Os aviões de guerra de Israel, diz a publicação, costumam voar em baixas altitudes, "causando alarme e pânico".
Os números foram compilados a partir de 243 cartas endereçadas pelo Líbano ao Conselho de Segurança das Nações Unidas (CSNU).
Israel sustenta que suas intrusões no Líbano são necessárias para obter informações sobre o Hezbollah e para bombardear alvos na Síria ligados ao Irã.
Cúpula de Ferro de Israel - Sputnik Brasil, 1920, 18.02.2022
Panorama internacional
Militares israelenses lançam interceptadores após 'UAV do Líbano entrar no espaço aéreo de Israel'
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала