Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Parlamento Europeu apoia status da Ucrânia como país candidato à UE

© AP Photo / Jean-Francois BadiasParlamentares participam de debate para fortalecer a aplicação do princípio da igualdade de remuneração por trabalho igual, ou trabalho de igual valor entre homens e mulheres, em 5 de abril de 2022
Parlamentares participam de debate para fortalecer a aplicação do princípio da igualdade de remuneração por trabalho igual, ou trabalho de igual valor entre homens e mulheres, em 5 de abril de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 08.06.2022
Nos siga noTelegram
Membros do Parlamento Europeu adotaram uma resolução pedindo aos Estados da União Europeia (UE) que concedam à Ucrânia o status de país candidato. A moção foi feita em uma sessão plenária em Estrasburgo, na França, nesta quarta-feira (8).
A resolução foi apoiada por 438 parlamentares, enquanto 65 votaram contra.
Os legisladores também instaram os Estados-membros da UE a continuar apoiando a Ucrânia com armas e apoiaram uma investigação sobre supostos crimes da Rússia na Ucrânia, pedindo a criação de um tribunal especial no âmbito da Organização das Nações Unidas (ONU).
O presidente Vladimir Zelensky assinou o pedido de adesão da Ucrânia à UE em 28 de fevereiro.
Bandeiras da Rússia, UE, França - Sputnik Brasil, 1920, 08.06.2022
Panorama internacional
Professor americano compara danos das sanções para Rússia e para Ocidente: 'O custo será esmagador'
Durante a visita da delegação da União Europeia a Kiev, em 8 de abril, a presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, entregou a Zelensky um questionário para iniciar o processo de adesão da Ucrânia. Ela disse que o documento é "a base para as discussões nos próximos meses".
Zelensky entregou o questionário da Ucrânia ao embaixador da UE no país, Matti Maasikas, em 18 de abril. O documento está sendo revisado pela Comissão Europeia.
Em 24 de fevereiro, a Rússia lançou uma operação militar especial na Ucrânia, depois que as repúblicas populares de Donetsk (RPD) e Lugansk (RPL) pediram ajuda para se defender de ataques das forças ucranianas.
Em resposta, os países ocidentais lançaram sanções abrangentes contra a Rússia e aumentaram a assistência militar à Ucrânia.
Jerónimo de Sousa, líder do Partido Comunista Português, em debate televisivo no dia 23 de setembro de 2019 - Sputnik Brasil, 1920, 07.06.2022
Panorama internacional
Partido Comunista Português defende fim das sanções à Rússia
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала