Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Bloomberg: EUA decidem aumentar produção de urânio para reduzir dependência da Rússia

© AP Photo / Dmitry LovetskyUm caminhão transporta contêineres com urânio de baixo enriquecimento para ser usado como combustível para reatores nucleares, em um porto de São Petersburgo, Rússia, 14 de novembro de 2013
Um caminhão transporta contêineres com urânio de baixo enriquecimento para ser usado como combustível para reatores nucleares, em um porto de São Petersburgo, Rússia, 14 de novembro de 2013 - Sputnik Brasil, 1920, 08.06.2022
Nos siga noTelegram
A administração do presidente americano Joe Biden tenta inclinar o Congresso para aprovação do plano de compra de urânio enriquecido diretamente de fabricantes domésticos no valor total de US$ 4,3 bilhões (R$ 20,95 bilhões), relata a agência Bloomberg.
Conforme a mídia nota, tal passo é necessário para reduzir a dependência da importação dos recursos russos. De acordo com as palavras dos representantes do Departamento de Energia americano, a parada das entregas de urânio pode causar interrupções no trabalho dos reatores nucleares comerciais.
Enquanto isso, a concretização do plano permitiria criar no país um comprador estatal, o que, por sua vez, estimulará o mercado doméstico americano. Na opinião do autor da matéria, após a ideia ter sido articulada, as ações das empresas de urânio começaram a crescer.
Contudo, não será fácil para Washington lançar sua própria indústria de urânio, pois sobrou nos Estados Unidos apenas uma fábrica comercial de enriquecimento: a fábrica da empresa URENCO, em Nova México. O mesmo consórcio está dividido entre representantes do Reino Unido, dos Países Baixos e da Alemanha. Além disso, é preciso que a proposta da redução da dependência do urânio russo seja aprovada pelos congressistas.
Em março, ante a operação especial russa na Ucrânia, os Estados Unidos rejeitaram a comprar o petróleo, carvão e o gás natural liquefeito na Rússia.
Urânio no barril (imagem de arquivo) - Sputnik Brasil, 1920, 29.05.2022
Panorama internacional
China encontra urânio em profundidade 'impossível' e estima reserva entre as mais ricas do mundo
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала