Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

EUA: tiroteio em shopping de Phoenix deixa 1 morto e 8 baleados, diz mídia

© AP Photo / Ross D. FranklinCarros de polícia cercam local onde policiais foram baleados durante tiroteio, em Phoeniz, no estado norte-americano do Arizona, 11 de fevereiro de 2022
Carros de polícia cercam local onde policiais foram baleados durante tiroteio, em Phoeniz, no estado norte-americano do Arizona, 11 de fevereiro de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 05.06.2022
Nos siga noTelegram
No sábado (4), uma pessoa foi morta e outras oito ficaram feridas em um ataque a tiros em um shopping na cidade de Phoenix, no estado norte-americano do Arizona, segundo a mídia local.
Conforme publicou o jornal USA Today, o tiroteio ocorreu durante a madrugada e vitimou uma menina de 14 anos. Outras oito pessoas foram baleadas no incidente, sendo que pelo menos duas estão em condição crítica. Segundo a publicação, o tiroteio foi o desfecho de uma briga.
A idade das vítimas que ficaram feridas varia entre 17 e 24 anos. A polícia informou que ainda não há suspeitos identificados e nenhuma prisão foi feita. As circunstâncias exatas do ataque ainda não foram esclarecidas e detetives seguem trabalhando no caso.
© AP Photo / Sean RayfordEmpregados da loja Foot Locker caminham ao lado de viaturas da polícia após um tiroteio em um shopping de Columbia, nos EUA, 16 de abril de 2022
Empregados da loja Foot Locker caminham ao lado de viaturas da polícia após um tiroteio em um shopping de Columbia, nos EUA, 16 de abril de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 05.06.2022
Empregados da loja Foot Locker caminham ao lado de viaturas da polícia após um tiroteio em um shopping de Columbia, nos EUA, 16 de abril de 2022
O tiroteio é mais um de uma série de ataques ocorridos no país. No final de maio, um massacre deixou 21 pessoas mortas em uma escola primária de Uvalde, Texas. Quase todas as vítimas eram crianças. Naquele mesmo mês, um ataque com dez mortos em um supermercado de Buffalo, Nova York, também gerou comoção nos EUA.
Os ataques, que juntos somam dezenas de mortos em pouco mais de duas semanas, reacenderam o debate sobre o controle de armas no país. Na noite da quinta-feira (2), o presidente norte-americano, Joe Biden, realizou um pronunciamento televisionado defendendo o banimento da venda de armas de assalto nos EUA, além do aumento da idade mínima para a compra de armas no país.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала