Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

'Cortina de Ferro' não faz parte dos planos de Moscou, diz Ministério das Relações Exteriores russo

© AP Photo / Russian Foreign Ministry Press ServiceA porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da Rússia, Maria Zakharova, em Moscou, Rússia, 28 de abril de 2022
A porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da Rússia, Maria Zakharova, em Moscou, Rússia, 28 de abril de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 05.06.2022
Nos siga noTelegram
A Rússia não tem planos de criar uma "Cortina de Ferro", isso é algo que está sendo feito pela União Europeia, disse a representante oficial do Ministério das Relações Exteriores da Rússia, Maria Zakharova.
As declarações foram dadas neste domingo (5) em uma entrevista no canal de TV italiano La7.

"Pode ter certeza: não haverá Cortina de Ferro, pelo menos do nosso lado, é a União Europeia que está cercando a Rússia com uma cortina. O erro [da União Europeia] é ser muito egoísta, é pensar que está no centro do mundo", declarou a oficial russa.

O ex-primeiro-ministro italiano Giuseppe Conte (foto de arquivo) - Sputnik Brasil, 1920, 03.06.2022
Panorama internacional
Ex-primeiro-ministro italiano critica envio de novos armamentos a Kiev e pede 'solução negociada'
Ela enfatizou que a Europa "não tem o direito moral" de ditar e ensinar qualquer coisa a outras nações.
Em março, o ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Lavrov, disse que Moscou não tinha medo de nenhuma nova "Cortina de Ferro" que o Ocidente estivesse pressionando a se formar e que a Rússia iria se desenvolver e prosperar mesmo assim.
No final de fevereiro, a Rússia lançou uma operação militar especial na Ucrânia, depois das Repúblicas Populares de Donetsk e Lugansk (RPD e RPL) pedirem ajuda para se defenderem dos ataques ucranianos.
A Rússia disse que o objetivo de sua operação especial é "desmilitarizar e desnazificar" a Ucrânia. Em resposta à operação da Rússia, os países ocidentais lançaram uma ampla campanha de sanções contra Moscou e forneceram armas para a Ucrânia.
Soldados portugueses participam de exercícios da OTAN - Sputnik Brasil, 1920, 03.06.2022
Panorama internacional
OTAN, 'tentando acender estopim', realiza exercícios próximo da fronteira com Ucrânia
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала