Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Armas entregues à Ucrânia acabarão nas mãos de traficantes quando conflito terminar, avisa Interpol

© AP Photo / Laurent CirpianiPessoas caminham na Interpol, em Lyon, região central da França. Foto de arquivo
Pessoas caminham na Interpol, em Lyon, região central da França. Foto de arquivo - Sputnik Brasil, 1920, 02.06.2022
Nos siga noTelegram
Um montante significativo das armas enviadas a Kiev por países ocidentais certamente acabará nas mãos de grupos criminosos, acredita o secretário-geral do Interpol, Jurgen Stock.
Na sua opinião, o processo de armamento da Ucrânia provocará o aumento de tráfico de armas, primeiramente armas de fogo.

"Já vimos isso na região dos Bálcãs. Vimos nos teatros de guerra em África, onde, claro, grupos do crime organizado tentam explorar esta situação caótica, disponibilidade de armas e até mesmo armas que são usadas pelos militares", relembrou ele.

O chefe da polícia criminal internacional notou que os países fornecedores de Kiev devem consolidar as bases de dados para melhor controlar o movimento das armas.

É preciso "usar intensivamente as bases de dados disponíveis, que podem ajudar a rastrear as armas, por exemplo, as roubadas em outro país. [...] Nenhum país da nossa região consegue lidar com isso isolado, porque os criminosos de que falo estão operando globalmente", ressaltou ele.

Em meio à operação especial russa em Donbass, Washington e seus aliados da OTAN continuam enviando armas à Ucrânia. Moscou tem declarado repetidamente que as entregas de armamento ocidental apenas fazem arrastar o conflito.
O presidente dos EUA, Joe Biden, fala em cerimônia de mudança de comando da Guarda Costeira dos EUA (USCG, na sigla em inglês) na sede da USCG em Washington, DC, em 1º de junho de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 01.06.2022
Panorama internacional
Biden anuncia oficialmente novo pacote de assistência militar à Ucrânia
Nesta quarta-feira (1º), o novo pacote de ajuda militar a Kiev foi oficialmente aprovado pelo presidente norte-americano, Joe Biden, que inclui quatro sistemas modernos HIMARS, capazes de atingir alvos a distâncias de até 80 km. Porém, o presidente ucraniano, Vladimir Zelensky, prometeu recentemente que essas armas não serão usadas para atacar o território russo.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала