Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Lavrov: Moscou fez tudo para resolver crise alimentar, Ocidente barra entrada de nossos navios

© Sputnik / Serviço de imprensa do Ministério das Relações Exteriores da RússiaSergei Lavrov, ministro das relações Exteriores da Rússia, durante encontro com seu homólogo do Bahrein, Abdullatif bin Rashid Al Zayani (fora da foto), no Palácio Al-Qudaibiya, Manama, Bahrein, 31 de maio de 2022
Sergei Lavrov, ministro das relações Exteriores da Rússia, durante encontro com seu homólogo do Bahrein, Abdullatif bin Rashid Al Zayani (fora da foto), no Palácio Al-Qudaibiya, Manama, Bahrein, 31 de maio de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 31.05.2022
Nos siga noTelegram
O ministro das Relações Exteriores da Rússia culpou as minas colocadas por Kiev perto dos portos pela impossibilidade de Moscou de assegurar a passagem de navios carregando grãos para fora do mar Negro.
Moscou fez todo o possível para garantir a resolução da crise alimentar, enquanto o Ocidente bloqueia a entrada de navios russos e cria um problema artificial, disse na terça-feira (31) Sergei Lavrov, ministro das Relações Exteriores da Rússia.
"Falamos detalhadamente sobre a situação na Ucrânia. A pedido de nossos amigos, nós os informamos em detalhe sobre os últimos desenvolvimentos, incluindo a situação alimentar. Falamos-lhes das medidas que o lado russo vem tomando há mais de um mês para garantir a livre exportação de grãos ucranianos por navios que agora estão trancados em portos ucranianos", relatou ele após falar com Abdullatif bin Rashid Al Zayani, seu homólogo do Bahrein.

"Mas para isso é necessário que os representantes ucranianos desminem as águas costeiras, que estão no mar territorial da Ucrânia, e que, como eu disse, foram minadas", disse, acrescentando que "se este problema de desminagem for resolvido, e temos chamado a atenção de nossos colegas ocidentais preocupados com isso há muitas semanas, então [...] como eu disse, a Marinha russa garantirá a passagem sem obstáculos destes navios para o mar Mediterrâneo e mais além, para seus destinos".

O chanceler da Rússia instou os países ocidentais a tomarem passos para resolver a questão.
Esteira rolante carregando grãos no porão de um navio no terminal de grãos do Porto Marítimo Comercial de Novorossiysk - Sputnik Brasil, 1920, 26.05.2022
Panorama internacional
Kremlin: Ocidente deve abolir decisões ilegais que impedem a exportação de grãos da Ucrânia
"Essas iniciativas que estão sendo proferidas sobre o tema da segurança alimentar devem ser resolvidas tendo em conta que do lado russo já há muito tempo que tudo o que depende de nós está garantido", comentou o ministro russo.
"Já os países ocidentais, que criaram um monte de problemas artificiais, com o fechamento de seus portos aos navios russos e com a supressão das cadeias logísticas e financeiras, eles devem, claro, pensar seriamente no que lhes é mais importante: fazer publicidade sobre o problema de crise alimentar ou resolver o problema com passos concretos. Agora é com eles", sublinhou Lavrov.
Os países ocidentais têm acusado a Rússia de bloquear com sua Marinha a saída de cargueiros com grãos para fora do mar Negro, levando Moscou a responder que as sanções antirrussas são as responsáveis pelo problema.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала