Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Gasoduto Néstor Kirchner, na Argentina, será financiado por imposto sobre grandes fortunas

© AP Photo / Natacha PisarenkoO presidente da Argentina, Alberto Fernández (à esquerda), faz seu discurso anual sobre o Estado da Nação, que marca a sessão de abertura do Congresso, ao lado da vice-presidente Cristina Kirchner, em Buenos Aires, Argentina, 1º de março de 2021
O presidente da Argentina, Alberto Fernández (à esquerda), faz seu discurso anual sobre o Estado da Nação, que marca a sessão de abertura do Congresso, ao lado da vice-presidente Cristina Kirchner, em Buenos Aires, Argentina, 1º de março de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 30.05.2022
Nos siga noTelegram
A construção do gasoduto Néstor Kirchner está prevista para o próximo mês e deve gerar cerca de 6 mil empregos diretos e indiretos.
Após décadas enfrentando problemas de abastecimento de energia elétrica, a Argentina realizou, na última semana, uma série de coletivas de imprensa para apresentar o gasoduto Néstor Kirchner.
Nesta segunda-feira (30), o portal Télam informou que, além de gerar cerca de 6 mil empregos diretos e indiretos, o projeto pode garantir a soberania energética argentina. O gasoduto ligará a formação geológica Vaca Muerta, na Patagônia, com o centro do país.
Suas obras serão financiadas não apenas com recursos do Tesouro, mas também com parte das verbas obtidas da Contribuição Solidária e Extraordinária, o imposto sobre as grandes fortunas argentino.
O Fundo Argentino de Desenvolvimento do Gás (Fondesgas, na sigla em espanhol) será responsável por gerir os bens que serão investidos na construção do gasoduto.
Manifestantes protestam contra medidas de restrição para conter a COVID-19 impostas em Buenos Aires, Argentina, 17 de abril de 2021  - Sputnik Brasil, 1920, 11.01.2022
Panorama internacional
Calor de 41 °C provoca colapso na rede de energia e 700 mil ficam sem luz em Buenos Aires
O gasoduto Néstor Kirchner, em sua primeira etapa, ampliará em 25% a capacidade do sistema de transporte de gás natural, totalizando 24 milhões de metros cúbicos de gás por dia. Estima-se que ele substituirá, com o tempo, os combustíveis importados.
Segundo estimativas do governo argentino, espera-se uma economia, "no curto prazo", de US$ 1 bilhão (R$ 4,7 bilhões) por ano.
A publicação ressalta a importância do início das obras do gasoduto Néstor Kirchner, principalmente pelo impacto que terá na poupança com importações e na possibilidade de exportação de gás no futuro.
Um empresário entrevistado pelo Télam relembrou que o campo de Vaca Muerta "tem reservas de gás para 300 anos", garantindo que "o gargalo" para uma melhoria da produção energética sempre foi a "inexistência do gasoduto".
A então presidente da Argentina, Cristina Kirchner, e o presidente da China, Xi Jinping, em 4 de fevereiro de 2015 - Sputnik Brasil, 1920, 12.05.2022
Panorama internacional
Após convite da China para reunião do BRICS, Argentina espera ingressar no grupo
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала