Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Holanda afirma que precisa de garantias da Rússia para escoltar grãos ucranianos

© Sputnik / Alexey Malgavko / Abrir o banco de imagensColheita de trigo na região de Omsk, Rússia
Colheita de trigo na região de Omsk, Rússia - Sputnik Brasil, 1920, 26.05.2022
Nos siga noTelegram
A Holanda consideraria a possibilidade de se juntar a uma coalizão para enviar navios de guerra para escoltar suprimentos de grãos ucranianos, mas precisaria de garantias da Rússia e, "idealmente, envolvimento da Turquia", disse a ministra da Defesa holandesa, Kajsa Ollongren, na quarta-feira (25).
A mídia do Reino Unido informou anteriormente que a secretária de Relações Exteriores do Reino Unido, Liz Truss, endossou a ideia de criar uma coalizão naval multinacional para permitir as exportações de grãos da Ucrânia, agora interrompidas devido ao bloqueio do porto de Odessa.
"Se houver alguma maneira de fazer isso acontecer, e se a Holanda for convidada a participar, é claro que ficaria muito feliz em fazer parte dessa aliança. Mas ainda não chegamos lá, infelizmente", disse Ollongren à Bloomberg durante o Fórum Econômico Mundial em Davos, na Suíça.
Na foto, plantação de milho em propriedade rural - Sputnik Brasil, 1920, 10.05.2022
Panorama internacional
EUA procuram rotas alternativas com parceiros para exportar grãos e milho da Ucrânia
A criação de um chamado corredor marítimo exigiria uma "garantia real" da Rússia de que cooperaria e permitiria que os navios viajassem, segundo ela.
O envolvimento da Turquia também é importante, acrescentou a ministra, levando em conta os esforços do país para manter o diálogo com Moscou e Kiev.
O presidente turco Recep Tayyip Erdogan fala durante uma coletiva de imprensa após uma reunião de gabinete no Complexo Presidencial em Ancara em 9 de maio de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 23.05.2022
Panorama internacional
Erdogan espera que aliados da OTAN tomem medidas concretas para resolver preocupações da Turquia
A Rússia lançou uma operação militar especial na Ucrânia em 24 de fevereiro em resposta a pedidos das Repúblicas Populares de Donetsk e Lugansk por proteção contra a intensificação dos ataques das tropas ucranianas.
O Ministério da Defesa russo disse que a operação especial, que mira a infraestrutura militar ucraniana, tem como objetivo "desmilitarizar e desnazificar" a Ucrânia.
Moscou disse que não tem planos de ocupar o país vizinho.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала