Membros da comitiva de uma delegação em frente da sede das Nações Unidas durante a 76ª sessão da Assembleia Geral da ONU em Nova York, 21 de setembro de 2021 - Sputnik Brasil, 1920, 09.11.2021
Panorama internacional
Notícias sobre eventos de todo o mundo. Siga informado sobre tudo o que se passa em diferentes regiões do planeta.

Escolas de Toronto, no Canadá, são fechadas às pressas após relatos de homem armado com rifle

CC BY 2.0 / Alberta Justice and Solicitor General / Edmonton Police ServicePolícia de Edmonton, Canadá (foto de arquivo)
Polícia de Edmonton, Canadá (foto de arquivo) - Sputnik Brasil, 1920, 26.05.2022
Nos siga noTelegram
Várias escolas no extremo leste de Toronto foram fechadas em meio a relatos de um homem andando na rua carregando um rifle.
Um tiroteio envolvendo a polícia local deixou um suspeito ferido após os relatos.
A polícia de Toronto disse que os policiais foram chamados para a área de Marberley Crescent, na Oxhorn Road, na tarde desta quinta-feira (26), acrescentando que houve várias descrições de um homem, possivelmente adolescente, andando na rua e carregando um rifle.
"Não há uma ameaça maior à segurança pública", afirmou a polícia na atualização mais recente publicada em suas redes sociais.
Pessoa com uma arma: atualização
Marberley Crescent + Oxhorn Road
- Oficiais localizaram o homem
- Arma de fogo da polícia disparada
- Suspeito ferido
- Serviços Paramédicos de Toronto no local
A força de segurança local ainda informou que o suspeito usava um chapéu branco e um casaco. Em seguida, a arma de fogo da polícia foi disparada, e ele foi ferido.
Várias escolas da área foram fechadas, incluindo a Charlottetown Junior Public School, a Centennial Road Junior Public School, a Joseph Howe Senior Public School e o Sir Oliver Mowat Collegiate Institute.
Uma jovem entrevistada pelo canal CP24 relatou que estava em aula quando a turma recebeu uma mensagem do diretor alertando que a escola estava entrando em confinamento. "Isto não é um exercício, fiquem embaixo de suas mesas", ela se lembra de ter ouvido.

"Alguns estavam brincando, outros estavam assustados. Depois de 10 minutos eu soube que aquilo não era um exercício", relatou.

"Eu pensei que alguém estivesse tentando invadir a escola. Estava apenas dizendo a mim mesma que provavelmente era o fim de tudo", disse ela, acrescentando que os alunos não foram informados de nada por um tempo.
O incidente ocorre dias após um massacre em uma escola primária em Uvalde, no Texas, no qual um atirador de 18 anos matou 19 crianças e dois adultos.
Policiais caminham perto da escola elementar Robb após um tiroteio no local, em Uvalde, no estado norte-americano do Texas, 24 de maio de 2022 - Sputnik Brasil, 1920, 24.05.2022
Panorama internacional
EUA: tiroteio em escola no Texas deixa ao menos 15 mortos, incluindo crianças
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала