Varíola dos macacos: sintomas, letalidade e transmissão

Nos siga noTelegram
Segundo a Organização Mundial da Saúde, no mundo já foram confirmados mais de 140 casos de varíola dos macacos neste ano.
Em 7 de maio, o Reino Unido confirmou a infecção em um homem que regressou da Nigéria. Depois disso o vírus começou a se espalhar em outros países por todo o mundo.
Pela primeira vez a varíola dos macacos foi detectada em 1958 em macacos de laboratório, o que originou o seu nome. Esse vírus raro se transmite ao ser humano de macacos ou roedores, mas também de outras pessoas.
Uma proteção confiável da doença é a vacina contra a varíola, que era muito comum no passado. Além disso, utiliza-se uma terapia sintomática para aliviar os sintomas da doença.
Feed de notícias
0
Para participar da discussão
inicie sessão ou cadastre-se
loader
Bate-papos
Заголовок открываемого материала